Dow Jones tem ligeira alta; Ações da Goldman Sachs tem a melhor performance dos bancos

LinkedIn

As ações subiram ligeiramente na terça-feira (12), com as taxas de juros continuando a subir em meio a perspectivas cada vez maiores de mais estímulos econômicos por parte dos legisladores sob o governo Biden.

O Dow Jones subiu 0,18%. O Nasdaq Composite também subiu 0,28%. O S&P 500 estava estável. As perdas de grandes empresas de tecnologia mantiveram as negociações de terça-feira sob controle.

Ações de bancos contribuíram para os ligeiros ganhos de terça-feira. Goldman Sachs (GS, GSGI34) e JPMorgan Chase (JPM, JPMC34) subiram 2,5% e 1,7%, respectivamente. O Bank of America (BAC, BOAC34) subiu 1,6%. Charles Schwab (SCHW, SCHW34) ganhou cerca de 1% e atingiu um recorde histórico.

O rendimento da nota de 10 anos de referência foi negociado brevemente a 1,187%, seu nível mais alto desde março. A taxa dos títulos de 30 anos subiu para 1,88%.

As taxas têm subido desde que os democratas garantiram maiorias na Câmara e no Senado, abrindo a porta para estímulos fiscais. Na semana passada, o presidente eleito Joe Biden prometeu um lançamento de estímulo econômico, que ele disse ser “na casa dos trilhões de dólares”.

No entanto, taxas mais altas podem tornar mais caro para as empresas de tecnologia – que têm sido as líderes de mercado durante a pandemia – continuar crescendo seus negócios por meio da emissão de dívidas adicionais.

Facebook (FB, FBOK34), Netflix (NFLX, NFLX34) e Alphabet (GOOGL, GOGL34) caíram mais de 2%. Microsoft (MSFT, MSFT34) e Apple (AAPL, AAPL34) negociaram com queda de 1,7% e 1,1%, respectivamente. Amazon (AMZN, AMZO34) caiu 0,6%. Essas perdas para a Big Tech seguem um aumento nas taxas de juros dos EUA.

Na semana passada, as principais ações alcançaram as máximas de todos os tempos enquanto Wall Street minimizava os distúrbios no Capitólio dos EUA que levaram os democratas da Câmara a apresentar um artigo de impeachment na segunda-feira contra o presidente Donald Trump por incitar o ataque.

Desde então, várias empresas de mídia social suspenderam ou baniram Trump de suas plataformas. Em alguns casos, isso pressionou suas ações. O Twitter (TWTR, TWTR34) caiu 2,4% na terça-feira e 8,6% esta semana. O Facebook caiu 6% na semana até agora.

Com CNBC

Deixe um comentário