Lojas Americanas comunica aumento de capital no valor R$ 295 milhões

LinkedIn

A Lojas Americanas encerrou em 04 de fevereiro o prazo para exercício do direito de preferência na subscrição de ações relativas ao aumento de capital.

O comunicado foi feito pela empresa (BOV:LAME3) (BOV:LAME4), nesta quinta-feira (11).

Foram subscritas 5.946.748 ações ordinárias e 10.457.109 ações preferenciais, ao preço de emissão de R$ 15,65 por ação ordinária e R$ 19,38 por ação preferencial. O valor total foi de R$ 295.725.378,62.

As 209.521 ações ordinárias e 967.279 ações preferenciais ainda pendentes de subscrição poderão ser subscritas pelos subscritores que, no boletim de subscrição relativo ao exercício do direito de preferência manifestaram interesse na reserva de sobras e de sobras adicionais.

O percentual para o exercício do direito de subscrição de sobras corresponde a 3,523391292% para cada ação ordinária e 9,315819892% para cada ação preferencial.

Lucro líquido de R$ 49,9 milhões com destaque para alta de 31% do GMV

Lojas Americanas registrou lucro líquido de R$ 49,9 milhões, registrando uma alta de 3,5%, em relação aos R$ 48,2 milhões do mesmo período do ano passado. A varejista destacou ainda o GMV (volume bruto de mercadoria), que cresceu 31%.
Os resultados da Lojas Americanas  referente a suas operações do segundo trimestre de 2020, foram divulgados no dia 29/10/2020.
Ebitda ajustado – lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização – chegou a R$ 754,8 milhões, queda de 0,3%, em comparação a R$ 757 milhões do mesmo período de 2019.
Lojas Americanas possui valor de mercado de R$54 bilhões. Confira a Análise completa da empresa com informações exclusivas.
A receita líquida da empresa foi de R$ 5,13 bilhões no período, alta de 21%, enquanto o terceiro trimestre de 2019 registrou R$ 4,24 bilhões.

Deixe um comentário