Simpar precifica emissão de títulos no exterior em reais, no valor de R$ 450 milhões

LinkedIn

A Simpar informou a emissão de títulos de dívida no mercado internacional, no valor total de R$ 450 milhões.

O comunicado foi feito pela empresa (BOV:SIMH3), nesta quarta-feira (10).

A remuneração dos referidos títulos se dará a taxa de 10,750% ao ano, com vencimento em 12 de fevereiro de 2028.

A Simpar celebrou, simultaneamente, contrato de swap, a fim de que a remuneração fixa de 10,750% ao ano das notes, passasse a ser atrelada à variação do CDI.

Os recursos captados por meio das notes serão usados para refinanciar o endividamento existente e para fins corporativos gerais da Simpar.

A Companhia assumiu um compromisso de reduzir em 7,8% sua emissão de gases de efeito estufa até 2025. Caso tal meta não seja atingida em 2025, haverá um acréscimo de 25bps na remuneração das notes, a partir de 12 de fevereiro de 2027, totalizando 11% ao ano até o vencimento em 2028.

Lucro líquido de R$ 96 milhões, alta de 45%

A controladora da JSL, Movida e Vamos fechou o terceiro trimestre deste ano com lucro líquido consolidado de R$ 96 milhões, o que representa uma alta de 45,2% sobre o mesmo período do ano passado. O trimestre marca a reorganização societária do grupo, com IPO da unidade de logística JSL.

O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) cresceu 14,8% no comparativo do 3T20 com o 3T19, ficando em R$ 587,5 milhões. A margem Ebitda marcou 32,4%, contra 28,9% um ano antes.

Deixe um comentário