Estoques no atacado dos EUA aumentaram um pouco mais do que o estimado inicialmente em fevereiro

LinkedIn

Os estoques no atacado dos Estados Unidos aumentaram um pouco mais do que o estimado inicialmente em fevereiro, em meio a uma queda nas vendas.

O Departamento de Comércio disse nesta sexta-feira que os estoques no atacado aumentaram 0,6%, em vez de 0,5% estimado no mês passado. Os estoques no atacado aumentaram 1,4% em janeiro. O componente dos estoques no atacado que entra no cálculo do produto interno bruto aumentou sólidos 0,8% em fevereiro.

Isso sugere que o investimento em estoque pode contribuir para o crescimento do PIB no primeiro trimestre. Os estoques aumentaram 2,0% em fevereiro em relação ao ano anterior. As vendas no atacado caíram 0,8% após aceleração de 4,4% em janeiro.

No ritmo de vendas de fevereiro, os atacadistas levariam 1,27 mês para limpar as prateleiras, ante 1,25 mês em janeiro.

As empresas estão reabastecendo os estoques depois que eles foram reduzidos no início da pandemia, ajudando a sustentar a manufatura. Mas uma grande parte do aumento de estoque vem das importações, o que poderia manter o déficit comercial elevado, o que poderia compensar parte do aumento dos estoques no crescimento do PIB.

Os estoques no atacado de veículos automotores e peças caíram 0,6% em fevereiro. Houve aumentos nos estoques de equipamentos profissionais e de informática, além de petróleo.

(Com informações da Reuters)

Deixe um comentário