Natura lança emissão de bonds sustentáveis no valor de US$ 1,5 bilhão, com vencimento em 2028

LinkedIn

A Natura (BOV:NTCO3) lançou emissão de bonds com compromisso de sustentabilidade no montante de US$ 1,5 bilhão, vencimento em 2028 e retorno ao redor de 4%. Trata-se da primeira captação no mercado externo de dívida da empresa, fontes disseram ai Broadcast.

Esse tipo de título eleva o juro pago anualmente caso a empresa não cumpra as medas assumidas relacionadas aos compromissos ambientais, sociais e de governança (ESG). No caso da Natura, a empresa de compromete a reduzir suas emissões de gases de efeito estufa em 13% até 2026 e a utilizar até 25% de embalagens recicladas após consumo na produção.

O não cumprimento das métricas eleva o juro a ser pago em 65 pontos-base a partir de outubro de 2027. Os recursos captados devem se usados pela empresa para amortizar dívidas.

A Natura pretende divulgar os resultados do 1T21 no dia 12 de maio.

⇒ Confira a agenda completa da divulgação dos resultados do 1T21

Amargo prejuízo de R$ 663,7 milhões em 2020, com aquisição e incorporação da Avon

A multinacional brasileira de cosméticos Natura &Co., dona da Natura, Avon, The Body Shop e Aesop, amargou um prejuízo de R$ 663,7 milhões, contra um lucro de R$ 173 milhões em 2019, atribuído especialmente à aquisição e incorporação da Avon.

Considerando o PPA (Alocação de Preço de Compra), o lucro de 2019 foi de R$ 155,5 milhões.

A receita líquida entre 2019 e 2020 cresceu 12,1%, para R$ 36,922 bilhões. Se considerado o PPA, a receita líquida mais do que dobrou, avançando 155,6%.

Deixe um comentário