Yum Brands pretende reduzir emissões de gases de efeito estufa em suas operações em 46%

LinkedIn

A Yum Brands anunciou nesta segunda-feira a meta de reduzir as emissões de gases de efeito estufa em suas operações em 46% até 2030. Em comunicado, a empresa de restaurantes fast-food, controladora do KFC, Pizza Hut, Taco Bell e The Habit Burguer Grill, disse que a meta faz parte do compromisso de atingir um saldo líquido de emissões igual a zero até 2050.

“A mudança climática é uma das principais prioridades de nossa estratégia ‘Recipe for Good’, e estamos investindo significativamente no crescimento sustentável para resolver esse problema, trabalhando em estreita colaboração com nossas marcas, franqueados e fornecedores”, disse o CEO de marcas da Yum, David Gibbs.

A companhia pretende focar até 2030 na redução das emissões geradas por seus restaurantes e escritórios corporativos, classificados como Escopo 1. No mesmo período, a empresa trabalhará nesse sentido junto ao Escopo 3, que engloba franqueados, fornecedores e produtores.

Outras medidas já vinham sendo adotadas pela companhia nos últimos anos, como a construção de edifícios verdes e testes de sistemas de otimização de energia pelo KFC, além da busca por energia renovável. A Yum informou, ainda, que até o fim de 2021 vai ter 1.000 restaurantes ao redor do mundo movidos 100% por energia renovável. No ano passado, a empresa já conseguiu fazer isso com os seus escritórios corporativos nos Estados Unidos.

(Com informações do Dow Jones Newswires)

Deixe um comentário