Confira as principais manchetes dos jornais desta terça-feira (18/05/2021)

LinkedIn

PIB na zona do euro mede a força de recuperação dos países do bloco, enquanto nos EUA os mercados insistem nas pressões inflacionárias e nas apostas em alta antecipada do juro, que elevam a expectativa para a ata do Fed nesta quarta-feira, e que podem trazer volatilidade para câmbio e juros. Já o Ibovespa descola de NY e testa os 123 mil pontos, surfando no boom das commodities. Em Brasília, a CPI da Covid começa às 9h, com o depoimento do ex-chanceler Ernesto Araújo, enquanto líderes do governo trabalham para votar a MP de Eletrobras hoje ou amanhã.

Manchetes desta terça-feira

VALOR
Briga por receita cria impasse à privatização da Eletrobras – Alterações no texto da Medida Provisória 1.031, divulgadas extraoficialmente, tornaram-se foco de tensão no governo e no mercado sobre a viabilidade da operação.

Gestão pública fica no escuro sem o Censo – Programas de saúde e educação, e até a definição dos valores corretos para repasse aos fundos de participação de Estados e municípios, ficam comprometidos sem dados demográficos.

Discovery e Warner criam nova gigante – Com valor estimado em US$ 132 bilhões, nova companhia nasce como a segunda maior empresa de mídia do mundo, em receita, só atrás da Disney.

O GLOBO
Estudo prevê risco de 3ª onda de Covid no inverno – Universidade de Washington aponta para possibilidade de mais de 750 mil mortes até o fim de agosto se ritmo de imunização não melhorar, mesmo com queda na média móvel de óbitos.

EUA vão doar 20 milhões de vacinas já aprovadas – Casa Branca confirmou que doses da Pfizer, Moderna e Johnson & Johnson se juntarão às 60 milhões de vacinas da Oxford/AstraZeneca liberadas para serem enviadas a outros países.

Governo federal lança ofensiva para conter danos de CPI – Técnicos da Casa Civil se reuniram nesta segunda-feira com assessores de senadores aliados para os instruírem sobre os próximos depoimentos.

ESTADÃO
Brasil é um dos países que mais gastam com funcionalismo público – Segundo dados do Tesouro Nacional, considerando as despesas com pessoal ativo de União, Estados e municípios, gastos chegaram a 12,9% do PIB em 2019.

General Ramos assinou a lei do orçamento secreto – Ministro reformulou proposta e articulou lei que originou a emenda do relator; mecanismo foi usado pelo governo Bolsonaro para distribuir R$ 3 bi a parlamentares aliados.

Caixa demite presidente e dois diretores da Funcef – Gota d’água para a saída do presidente e de dois diretores do fundo de pensão teria sido a recusa em participar do IPO da Caixa Seguridade.

FOLHA
Isolamento atinge nível mais baixo da pandemia – Brasileiros que dizem estar totalmente isolados ou só saírem quando inevitável são hoje 30%; eram 72% em abril de 2020.

CPI quer mirar Eduardo usando fala de Araújo – Após colocar Carlos Bolsonaro no radar das apurações, comissão da Covid busca mapear atuação de Filipe Martins e de outro filho do presidente.

Projetos ferroviários miram grãos em MT– Competição por pioneirismo é foco de embates entre empreendedores e governo.

(fonte BDM)

Deixe um comentário