Petrorio permanece na disputa pelo campo de Albacora, colocado à venda pela Petrobras

LinkedIn

A petroleira brasileira PetroRio (BOV:PRIO3) permanece na disputa pelo campo de Albacora, na Bacia de Campos, colocado à venda pela Petrobras (BOV:PETR3) (BOV:PETR4), mas também avalia a compra de outros ativos marítimos no mercado, disse nesta terça-feira o presidente da companhia, Roberto Monteiro.

A previsão atual é que uma fase de ofertas por Albacora ocorra em julho, conforme disse o executivo, durante teleconferência com analistas de mercado sobre os resultados da empresa no primeiro trimestre.

“Temos uma parceria já firmada com um grupo espanhol (para concorrer por Albacora), isso é público, hoje teríamos 50%, nós seríamos operadores, e esse grupo teria os outros 50%. Nós gostamos da ideia, sem dúvida, e estamos abertos a isso”, disse Monteiro.

O executivo frisou, no entanto, que “Albacora não é nosso único ‘target’, nossa única ideia de investimento”. Segundo ele, a empresa observa outras oportunidades de negócios, inclusive além dos ativos que estão à venda pela petroleira estatal.

Prejuízo de R$ 39,76 milhões no primeiro trimestre, revertendo lucro

PetroRio teve prejuízo líquido atribuível aos controladores de R$ 39,8 milhões no primeiro trimestre de 2021, ante lucro líquido de R$ 46,2 milhões no mesmo período de 2020.O resultado foi impactado negativamente pelo efeito contábil (não-caixa) da variação cambial e da depreciação e amortização dos novos ativos.

Ebitda – juros, impostos, depreciação e amortização – somou R$ 407,7 milhões no período, o que corresponde a um salto de 176% na comparação com o primeiro trimestre de 2020, com margem de 62%.

receita líquida da companhia somou R$ 655,3 milhões entre janeiro e março, alta de 194,0% em relação ao mesmo intervalo do ano anterior.

Informações Reuters

Deixe um comentário