Westwing (WEST3): prejuízo líquido aumenta seis vezes no 1T21, para R$ 16,6 milhões

LinkedIn

A Westwing, varejista on-line de decoração, registrou prejuízo líquido de  R$ 16,6 milhões, aumentando mais de seis vezes o prejuízo em comparação ao mesmo período de 2020, de R$ 2,5 milhões.

Segundo a empresa, o resultado é explicado sobretudo pelo aumento dos custos e das despesas operacionais, que levaram à piora do resultado operacional.

O ebtida – lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização – chegou a R$ 22,5 milhões, ante R$ 138 mil de um ano antes.

A receita líquida da companhia avançou 83%, somando R$ 60,5 milhões, com o volume bruto de vendas aumentando 91%. Os custos avançaram 87%, para R$ 32,8 milhões.

As despesas operacionais mais do que triplicaram para R$ 52,7 milhões, puxadas pelas despesas com marketing, tecnologia e logística. Segundo a companhia, o resultado também foi afetado por despesas não recorrentes relacionadas à abertura de capital realizada em fevereiro.

O prejuízo operacional (antes do financeiro e dos tributos) aumentou de R$ 1,1 milhão para R$ 25 milhões.

Os resultados da Westwing (BOV:WEST3) referente suas operações do primeiro trimestre de 2021 foram divulgados no dia 13/05/2021. Confira o Press Release completo!

Deixe um comentário