Confira as principais manchetes dos jornais desta sexta-feira (04/06/2021)

LinkedIn

As bolsas de Nova York fecharam em queda na quinta-feira, 3. Os mercados operaram em compasso de espera pelo relatório de empregos (payroll) dos Estados Unidos, que será divulgado hoje e pode definir o rumo da política monetária do Federal Reserve (Fed, o banco central americano). Além disso, ações do setor de tecnologia foram penalizadas pela alta nos juros dos Treasuries. Em maio, os EUA gerou 978 mil empregos no setor privado, de acordo com a ADP. O resultado veio acima da estimativa de analistas, que indicava criação de 680 mil vagas. Os pedidos de auxílio-desemprego, por sua vez, caíram 20 mil na semana passada, para 385 mil. A previsão era de que o total somasse 393 mil.

As manchetes de hoje:

VALOR

🗞 Home office só é possível para 17,8% dos trabalhadores – Segundo pesquisadores, há o risco de essa situação ampliar desigualdades, pois o teletrabalho é mais acessível para aqueles com maior escolaridade e renda.

🗞 Exército livra Pazuello de punição – General avaliou que confrontar o presidente representaria mais instabilidade às Forças Armadas, cujos comandantes foram trocados recentemente.

🗞 Em poucos dias, sete aquisições no setor de saúde – Transações, lideradas por Dasa, Fleury, Rede D’Or e Hospital Care, superam a casa de R$ 1,5 bilhão.

O GLOBO

🗞 Sob pressão de Bolsonaro, Exército livra Pazuello e põe disciplina em risco – Órgão não viu ‘transgressão disciplinar’ por parte do ex-ministro e arquivou procedimento; o fato gerou críticas generalizadas.

🗞 EUA dão destino a doação de 25 milhões de doses – Governo americano detalhou a alocação de 25 milhões das 80 milhões de vacinas que prometeu doar até o fim de junho; doses para o Brasil virão através de consórcio da ONU, e não diretamente.

🗞 Cristo volta à capa da Economist com respirador – Revista britânica critica gestão sanitária e econômica de Bolsonaro, aponta risco às instituições e diz que futuro do país depende de 2022.

ESTADÃO

🗞 Exército livra Pazuello de punição e cria desgaste entre oficiais – Procedimento administrativo que havia sido instaurado para verificar a conduta do general é arquivado. Entre oficiais, a decisão foi recebida com silêncio e constrangimento. As críticas mais duras foram feitas por políticos e ex-ministros da Defesa.

🗞 ‘É hora de reagir antes que seja tarde’, diz Jugmann -Para ex-ministro da Defesa, decisão do general Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira desonra os últimos comandantes das Forças Armadas.

🗞 Renovação da LSN para no Senado – Casa nem sequer definiu um relator para analisar projeto que altera a legislação elaborada no período da ditadura militar; proposta já foi aprovada na Câmara.

FOLHA

🗞 Após pressão direta de Bolsonaro, Exército livra Pazuello de punição – Em nota, comandante diz que analisou e acolheu os argumentos apresentados pelo ex-ministro..

Datas históricas – 04/06

1942 — Segunda Guerra Mundial: começa a Batalha de Midway. O almirante japonês Chūichi Nagumo ordena um ataque à ilha Midway por grande parte da Marinha Imperial Japonesa.
1944 — Segunda Guerra Mundial: Roma é tomada pelas forças aliadas, a primeira capital do Eixo a cair.
1992 — Líderes de 180 nações iniciam a ECO 92, no Rio de Janeiro.

🗓 AGENDA ECONÔMICA 🗓

🇪🇺 Variação das vendas no varejo mensal e anual (06h00)
🇧🇷 Vendas de veículo Fenabreve (09h00)
:us: Relatório de emprego Payroll não-agrícola mensal (09h30) :star:
:us: Taxa de desemprego mensal (09h30) :star:
:us: Quantidade média de horas trabalhadas por semana (09h30)
🇧🇷 PMI composto e de serviço mensal (10h00)
:us: Variação de ganhos salariais por hora anual e mensal (10h30) :star:
:us: Variação nas encomendas à indústria mensal e anual (11h00)
:us: Contagem de Sondas Baker Hughes (15h00)

(fonte BDM)

Deixe um comentário