EDP Brasil conclui antecipadamente linhas de transmissão, o que garantirá receita de quase 50 milhões de reais

LinkedIn

Energias do Brasil concluiu antecipadamente as etapas necessárias para a energização e integração ao Sistema Interligado Nacional de um dos dois trechos do Lote 21 de linhas de transmissão, o que garantirá receita de quase 50 milhões de reais.

O comunicado foi feito pela companhia (BOV:ENBR3) nesta segunda-feira (14). Confira o documento na íntegra.

A entrega do trecho em Santa Catarina está antecipada em 14 meses frente ao calendário da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), “o que irá gerar receitas adicionais, superando a expectativa de retorno prevista à época do leilão”, disse a companhia em comunicado.

A antecipação representa uma Receita Anual Permitida de 48,8 milhões de reais, equivalente a 25,4% da receita total do empreendimento.

Na primeira etapa do Lote 21, a companhia concluiu 180 km, e ainda a importante subestação Siderópolis 2, da EDP Transmissão Aliança SC.

A EDP Aliança, uma parceria entre a EDP e a Celesc na proporção de 90% EDP e 10% Celesc, foi constituída após a 1ª Etapa do Leilão nº 05/20161 e é titular de concessão de transmissão referente às linhas de Transmissão LT 525 KV Siderópolis 2 – Abdon Batista; LT 525 KV Abdon Batista – Campos Novos, LT 230 KV Siderópolis 2 – Siderópolis e LT 230 KV Siderópolis 2- Forquilhinha, localizadas em Santa Catarina.

Esta antecipação representa uma Receita Anual Permitida de R$ 48,8 milhões2 , equivalente a 25,4% da receita total.

EDP Brasil (ENBR3): lucro líquido cresceu 82,9% no 1T21, para R$ 495,7 milhões

lucro líquido da Energias do Brasil (EDP Brasil), do grupo europeu EDP Energias de Portugal, cresceu 82,9% no primeiro trimestre em relação ao mesmo período do ano anterior, para R$ 495,7 milhões, com maiores volumes de consumo de energia que ajudaram os negócios de distribuição e melhor desempenho também em transmissão e geração hídrica.

O lucro líquido ajustado, por sua vez, foi de R$ 337 milhões no período, alta de 58,6% na base anual.

receita operacional líquida da empresa subiu 7% no período e totalizou R$ 3,505 bilhões.

ebitda – lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização – alcançou R$ 1,048 bilhão no trimestre, alta de 50,1%, em base anual. O ebitda ajustado, que exclui os efeitos não recorrentes, subiu 34,3% no período, para R$ 807,4 milhões.

Informações Reuters

Deixe um comentário