Hashdex e XP Seguros anunciam fundo de previdência internacional baseado em criptoativos

LinkedIn

A XP Seguros e a gestora Hashdex anunciaram nesta terça-feira um produto de previdência internacional, conforme anunciado via assessoria de imprensa.

O Hashdex Criptoativos XP Seguros Prev FIC FIM, com aporte inicial de R$ 5.000 e 1,7% de taxa administração anual, seria o primeiro produto de previdência internacional exclusivo para investidores qualificados.

O novo produto investe em um fundo de gestão passiva, com 40% de variação atrelada ao índice de criptoativos Nasdaq Crypto Index (NCI), parceria da bolsa norte-americana com a Hashdex, e 60% em títulos de renda fixa no Brasil.

Roberto Teixeira, head da XP Seguros, disse que o fundo é uma alternativa para o investidor qualificado diversificar o porftólio, buscando rentabilidade de longo prazo:

“O lançamento do fundo de criptoativos atende a uma demanda crescente dos nossos clientes e segue em linha com o pioneirismo da XP Seguros em seus dois anos de mercado. Fomos também os primeiros a oferecer planos previdenciários ESG, planos com taxa de zero de administração, FoFs de alocação, entre outros”

Já Marcelo Sampaio, CEO da Hashdex, ressaltou mais uma iniciativa da gestora no mercado de criptoativos e a crença da empresa de que a classe de ativos se consolidará no longo prazo.

“Um produto de previdência que ofereça exposição a cripto, está totalmente alinhado com nossa tese de investimentos, que acredita no potencial de valorização dessa classe de ativos, no longo prazo. Além disso, o efeito de descorrelação que esse produto traz para o portfólio do investidor, pode oferecer oportunidades de maior retorno, sem necessariamente aumentar o risco, em um portfólio balanceado”

Roberto Teixeira também ressalta que a XP Seguros busca dar exposição a mercados antes inacessíveis aos investidores com a iniciativa:

“O objetivo é democratizar o acesso a mercados que, normalmente, não são acessíveis ao investidor individual”

A XP Seguros tem mais de 20 bilhões de ativos sob custódia, com 116 produtos oferecidos para o varejo. A empresa busca lançar ainda lançar em 2021 outros fundos, que vão refletir o desempenho de mercados como Estados Unidos, China e Europa.

Já a Hashdex é a maior gestora de criptoativos da América Latina e responsável pelo primeiro fundo negociado em bolsa (ETF) do Brasil, o HASH11, hoje um dos produtos de investimentos preferidos dos investidores da Bolsa de Valores do Brasil.

Por Lucas Caram

Deixe um comentário