Dólar fecha em alta com forte volatilidade, atendo aos indicadores econômicos

LinkedIn

O dólar comercial encerrou o dia em alta de 0,60% sendo cotado a R$ 5,115, para venda e a R$ 5,114 para compra, após forte volatilidade pela manhã, comos investidores ainda digerem as  falas do presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano),  Jerome Powell, no Senado norte-americano. Além disso, dados econômicos  importantes foram divulgados na semana, com destaque para os dados de inflação  nos Estados Unidos.

Os investidores então atendos ao segundo dia de discurso do presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano), Jerome Powell. Atrelado a isso, ainda há uma sensação de incerteza com os indicadores divulgados recentemente.

“Hoje os mercados ao redor do globo exibem sinais mistos, após dados mostrarem que o crescimento do PIB [Produto Interno Bruto] chinês desacelerou fortemente no segundo trimestre, ainda que tenha vindo em linha com as expectativas. Os futuros americanos trabalham sem uma única direção, no aguardo da segunda parte do testemunho do presidente do Fed no Senado americano, e de indicadores que incluem a pesquisa semanal sobre os pedidos de auxilio-desemprego e números da produção industrial“, explicou em relatório matinal Jefferson Rugik, da Correparti Corretora de Câmbio.

Rugik diz ainda que “no mercado internacional de câmbio o dólar opera na linha d’água frente a seus pares e trabalha de forma mista junto as divisas emergentes e ligadas às commodities. Internamente o dólar comercial deve abrir de estável a leve viés de alta, atenção especial ao novo pronunciamento do presidente do Fed e nos indicadores americanos que tem potencial para interferir no câmbio e principalmente no fluxo cambial de recursos que tem sido positivo”, afirmou.

A Commcor Corretora também compartilha da expectativa da fala do Powell como um direcionamento para os mercados hoje. “Olhando para as reações de ontem, o mercado não teve como “ignorar” a surpresa dovish [suave] de Powell, especialmente após CPI e PPI acima do esperado, tendo ativos de risco performando positivamente, o que naturalmente ajudou o Real a seguir o movimento de recuperação após R$ 5,30 atingidos na semana passada”, explicou em relatório.

“Ainda assim, a sessão de hoje começa com acomodação dos movimentos citados, com as principais bolsas europeias e futuros norte-americanos operando em queda, enquanto o dólar é negociado sem tendência definida”, acrescentou o documento da Commcor.

Na mínima do dia chegou a R$ 5,057 e na máxima a R$5,139. No futuro, o contrato com vencimento em agosto alta de 0,8% a R$ 5,1135 volta das 17h. Lá fora, o Dollar Index operava com queda de 0,19%.

Data Compra Venda Variação Variação
01/07/2021 5,0443 5,0453 1,45% 0,0721
02/07/2021 5,0523 5,0533 0,159% 0,008
05/07/2021 5,0868 5,0878 0,683% 0,0345
06/07/2021 5,2097 5,2102 2,406% 0,1224
07/07/2021 5,2393 5,2403 0,597% 0,0311
08/07/2021 5,2544 5,2554 0,288% 0,0151
12/07/2021 5,173 5,174 -1,246% -0,0653
13/07/2021 5,1804 5,1809 0,133% 0,0069
14/07/2021 5,0836 5,0841 -1,868% -0,0968
15/07/2021 5,1142 5,1147 0,602% 0,0306

💵 Está pensando em viajar? Faça a conversão de moedas gratuitamente!

🇧🇷 – US$ 1 = R$ 5,11
🇪🇺 – US$ 1 = €$ 0,84
🇬🇧 – US$ 1 = £$ 0,72

Acompanhe como foi a evolução do dólar no último mês:

Gráficos GRATUITOS na br.advfn.com

(Com informações da TC,  UOl e Agencia CMA)

Deixe um comentário