Bom dia ADVFN - Tensão entre EUA e China e dados de inflação do Brasil no radar

LinkedIn

Esse é o Bom dia, Investidor!  25 de Agosto de 2021, com tudo o que você precisa saber antes da Bolsa abrir!

Bolsas mundiais: os mercados globais avançam na véspera do início de simpósio do Fed.

Na Ásia, os mercados fecharam com resultados variados, em um momento em que o otimismo continua a impulsionar as ações nos Estados Unidos, após S&P e Nasdaq atingirem patamares recordes. Após uma terça-feira de fortes altas, as ações de tecnologia listadas em Hong Kong tiveram ganhos pela manhã, mas perderam fôlego até o fechamento. Na terça, uma reportagem da agência internacional de notícias Reuters informou que a Securities and Exchange Commission (SEC, equivalente a CVM nos Estados Unidos) começou a emitir novos requisitos de divulgação para empresas chinesas que buscam se listar em Nova York como parte de um esforço para aumentar a consciência dos investidores sobre os riscos envolvidos. Entre os requisitos estão uma maior divulgação sobre o uso pelas empresas de veículos offshore conhecidos como entidades de interesse variável (VIEs) para ofertas públicas iniciais de ações (IPOs na sigla em inglês); implicações para os investidores e o risco de que as autoridades chinesas interfiram nas operações da companhia. Também na terça, o regulador de cibersegurança da China afirmou que empresas do país que desejem ser listadas em bolsas, inclusive em bolsas estrangeiras, precisam se adequar a dois aspectos essenciais: a regulamentação nacional e a garantia da segurança da rede nacional, da “infraestrutura crítica de informação” e de dados pessoais. Ass ações da Tencent avançaram 0,55% após alta de 3% mais cedo; as da Meituan subiram 2,34%; as da JD.com tiveram alta de 5%; e as da Alibaba perderam mais de 1%. O índice Hang Seng, de Hong Kong, perdeu 0,13%; na China continental, o Shanghai composto subiu 0,74%; no Japão, o Nikkei fechou estável; na Coreia do Sul, o Kospi avançou 0,27%.

Na Europa, os índices têm resultados mistos. O índice Stoxx 600, que reúne ações de 600 empresas de todos os principais setores de 17 países europeus, avança 0,15%, com destaque positivo para ações dos setores de viagem e lazer e negativo para o setor de serviços. No Reino Unido, dados da Confederação das Indústrias Britânicas divulgados na terça indicaram que varejistas registraram a maior alta em gastos em quase sete anos em agosto, mas os estoques caíram aos menores níveis já registrados, pressionando os preços. O índice sobre clima de negócios divulgado nesta quarta pelo Instituto Ifo, da Alemanha, marcou 99,4 pontos, abaixo do consenso de analistas ouvidos pela Reuters, de 100,4 pontos, e abaixo de 100,7 pontos registrados em julho. Nesta quarta, o diretor-geral da Organização Mundial de Saúde, Adhanom Ghebreyesus, realizará uma conferência de imprensa para documentar os mais novos avanços na pandemia de Covid.

Nos Estados Unidosos índices futuros operam em alta neste momento. Nesta quarta, diversas empresas de tecnologia devem informar seus rendimentos após o fechamento do mercado, inclusive a Salesforce, que compõe o Dow; Box e Snowflake. A tensão EUA-China está de volta aos holofotes. O presidente da Comissão de Valores Mobiliários, Gary Gensler, prometeu cumprir um prazo de três anos para que as empresas chinesas listadas nos EUA permitissem inspeções de suas auditorias financeiras ou enfrentarão o fechamento do capital. Nas commodities, o petróleo se recuperou após o maior ganho em dois dias desde novembro, com a Covid-19 ainda obscurecendo como busca das perspectivas de demanda. Os futuros do minério de ferro estenderam uma recuperação em relação à expressiva queda da semana passada com o otimismo de que a China não permitirá que a demanda de aço entre em colapso enquanto suas vantagens proporcionam permanecerem incertas. Na quinta terá início o aguardado simpósio de Jackson Hole, em que autoridades do Federal Reserve, o banco central americano, devem detalhar seus planos para a redução de estímulos monetários. O Fed iniciou discussões para desacelerar seu programa bilionário de compra de títulos no final de 2021, que vem injetando cerca de US$ 120 bilhões mensalmente nos mercados. O presidente do Fed, Jerome Powell, realiza um discurso na sexta.

==> Acompanhe os mercados mundiais pela ADVFN (aqui)

Os futuros internacionais de petróleo WTI estão sendo negociados a US$ 67,61, com alta de 0,10%. O Brent opera em alta de 0,11%, negociado a US$ 70,49.

Bitcoin (COIN:BTCUSD) é negociado a US$ 47.390,80  (-4,51%). O ouro  é negociado a US$ 1.795,05 por onça-troy (-0,75%).

⇒ Bitcoin – Acompanhe o Mundo Cripto na ADVFN

Minério de ferro: Contratos futuros do minério de ferro negociados na bolsa de Dalian com alta de 1,9%, cotados a 802,5 iuanes, equivalente hoje a US$ 123,94 (nas últimas 24 horas).

Coronavírus

O mundo registra 213.269.438 de casos de coronavírus e 4.453.725 mortes, confirmadas pela Universidade Johns Hopkins.

Painel Vacinas Covid-19 Brasil:  Doses Distribuídas pela União: 203.715.550. Doses aplicadas: 171.208.268.

A Fundação Oswaldo Cruz e o Instituto Butantan tomarão caminhos opostos nos próximos meses no fornecimento das vacinas contra a Covid-19. A intenção da Fiocruz é manter exclusividade de entregas ao Programa Nacional de Imunizações. A diretoria da Fundação só prevê outros destinos para a vacina contra o coronavírus se o governo brasileiro decidir pelo caminho da ajuda humanitária. Enquanto isso, o Instituto Butantan já começou a negociar com outros estados para venda direta. Foram acordadas a venda de 3 milhões de doses para o governo do Ceará, 500 mil para o Espírito Santo e outras 500 mil para o Piauí.

Brasil

O ministro Marcelo Queiroga anunciou na noite de ontem (24) que, em setembro, será aplicada uma dose de reforço da vacina contra a Covid-19 em idosos e pessoas imunossuprimidas (transplantadas recentemente, com câncer, queimaduras graves, etc). Segundo o Ministério, a decisão leva em conta o andamento da vacinação no momento e prioriza assegurar a segunda dose da vacina aos brasileiros. Queiroga anunciou ainda que o intervalo entre as doses dos imunizantes da Pfizer e da Astrazeneca devem diminuir de 12 para 8 semanas, como acontece no Reino Unido.

Poderes

O plenário do Senado aprovou, na terça-feira (24), a recondução de Augusto Aras ao cargo de procurador-geral da República por 55 votos a 10 e uma abstenção. Com a aprovação, Aras ficará à frente da Procuradoria-Geral da República (PGR) até 2023.

A CPI da Pandemia vai ouvir hoje o diretor do FIB Bank, Roberto Pereira Ramos Júnior.

Economia

Com uma inflação que não dá trégua desde o ano passado, os preços de muitos itens básicos, como comida, conta de luz e gasolina nunca estiveram tão altos. Isso está levando os brasileiros a encher menos os carrinhos e a levar menos coisas para casa – embora o desembolso siga aumentando. Os dados mais recentes do IBGE mostraram que, em junho, as vendas do varejo no país, em volume, caíram 1,7% na comparação com maio. Por outro lado, o faturamento do setor no mesmo mês subiu, com uma alta de 1,5%. Ou seja: os consumidores compraram menos coisas e mesmo assim gastaram mais. E isso não necessariamente significa que os lojistas estão ampliando os lucros, já que os produtos da indústria estão chegando ainda mais caros para eles também.

A regra do teto de gastos vai ser colocada à prova no Projeto de Lei Orçamentária Anual (Ploa) de 2022, que está sendo finalizado pela equipe econômica e deve ser enviado ao Congresso até o próximo dia 31. Nos ministérios, a certeza é de que, a exemplo do Orçamento deste ano, haverá redução, condicionamento ou até mesmo corte de gastos, para que o Ministério da Economia consiga fechar os números da peça orçamentária sem estourar a emenda constitucional que limita o aumento das despesas à inflação do ano anterior. Para um ano eleitoral, quando a pressão por recursos é, geralmente, maior, o cenário é desafiador. Procuradas, as pastas que tradicionalmente contam com maiores volumes de recursos evitaram comentar sobre os cortes que devem ocorrer. No caso da Saúde, por exemplo, a previsão de R$ 134 bilhões para o ano que vem será menor do que os R$ 180,5 bilhões autorizados neste exercício. Com a inflação deste ano disparando e as previsões de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) de 2002 encolhendo, a certeza é de que a frustração ocorrerá tanto no lado da receita quanto da despesa. Portanto, qualquer estimativa que o ministro da Economia, Paulo Guedes, enviar ao Congresso será fictícia, porque os parâmetros da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) estão desatualizados. O salário mínimo, por exemplo, que corrige cerca de 70% das despesas obrigatórias, está previsto em R$ 1.147, um valor subestimado, o que deve implicar gasto extra de, pelo menos, R$ 41 bilhões. Já as receitas, com uma previsão de crescimento de 2,5% do PIB, estão superestimadas em meio à derrocada das previsões do mercado, que devem convergir para algo em torno de 1,5%.

Agenda Econômica

▪️ Alemanha/Ifo: índice de sentimento das empresas em agosto (5h)
▪️ Fipe: IPC da 3ª quadrissemana de agosto (5h)
▪️ FGV: Confiança do consumidor em agosto (8h)
▪️ IBGE: IPCA-15 de agosto projeta mediana de 0,84%, na margem (9h)
▪️BC/Setor externo: Conta corrente de julho projeta mediana de -US$ 300 milhões; IDP, mediana de US$ 4,550 bilhões (9h30)
▪️ EUA/Deptº do Comércio: Encomendas de bens duráveis de julho (9h30)
▪️ EUA/DoE: Estoques de petróleo da semana até 20/08 (11h30)
▪️ Receita: Arrecadação federal em julho (12h)
▪️ EUA: Presidente do Fed de São Francisco, Mary Daly, discursa (14h)
▪️ Tesouro divulga relatório mensal da dívida pública de julho (14h30)
▪️ STF retoma julgamento de ação da independência do BC (14h)
▪️ Roberto Campos Neto participa da 11ª Reunião da NEASF (16h)

Ibovespa e dólar no último pregão:

Ibovespa:  

Referência do mercado brasileiro, o índice encerrou o dia em alta de 2,33%, a 120.210,75 pontos, na mínima o Ibovespa ficou em 117.474,11 e na máxima 120.462,82 pontos. O volume financeiro foi de R$ 21,5 bilhões.

O Ibovespa fechou em alta se recuperando grande parte das perdas da última semana graças ao avanço dos preços das commodities, que tiveram um dia de alta com a melhora das perspectivas para a retomada econômica mundial. A valorização do minério de ferro e do petróleo fez subir as ações da Vale (VALE3), CSN (CSNA3), Gerdau (GGBR4) e Usiminas (USIM5), que registraram fortes ganhos na sessão, assim como as da Petrobras (PETR 3 e PETR4).

O maior avanço do pregão foi registrado pelos papéis da Cyrela (CYRE3), que se beneficiou de uma alta generalizada do setor da construção civil. No último trimestre, o lucro líquido da companhia subiu 293% no comparativo anual, para R$ 267 milhões.

Maiores altas do Ibovespa

CYRE3: +12,33% a R$ 20,41
LAME4: +11,81% a R$ 5,87
GOLL4: +10,97% a R$ 20,54
EZTC3: +10,61% a R$ 27,84
AMER3: +9,69% a R$ 43,00

Maiores baixas do Ibovespa

JBSS3: -3,26% a R$ 31,73
RADL3: -2,64% a R$ 25,80
PCAR3: -2,09% a R$ 29,56
HYPE3: -1,47% a R$ 34,79
VIVT3: -0,73% a R$ 43,54

Dólar    

dólar comercial: encerrou o dia em queda de -2,23% sendo cotado a R$ 5,262 para venda e a R$ 5,261 para compra, hoje os problemas internos – fiscais e políticos – possuiu menos impacto na moeda norte-americana do que nos últimos dias, prevalecendo o bom humor dos mercados globais e aversão ao risco.

Segundo fonte, “o mercado veio de uma bateria de vários dias negativos, então hoje estamos enfrentando um movimento de risk-off (aversão ao risco) que desvaloriza o dólar em escala global”.

A fonte, porém, ressalta que este movimento não possui fôlego: “O que está acontecendo hoje é pontual, pois os problemas do Brasil continuam, principalmente os fiscais. O (ministro da economia) Paulo Guedes até tenta argumentar, mas o mercado não acredita mais nele”, pontua.

Juros

O DI para janeiro de 2022 caiu três pontos-base a 6,70%, DI para janeiro de 2023 teve queda de 12 pontos-base a 8,43%, DI para janeiro de 2025 recuou 21 pontos-base a 9,59% e DI para janeiro de 2027 registrou variação negativa de 23 pontos-base a 10,00%.

Ifix   

O índice fechou o dia em alta de 0,04%, aos 2.720,60 pontosNa mínima do dia o índice bateu em 2.719,25 pontos, enquanto a máxima foi de 2.730,4 pontos. Para o acumulado de agosto o IFIX recua 3,67%. No ano, concentra uma queda de 5,24%. A movimentação financeira foi de R$ 219,56 milhões.

** Aqui estão todas as carteiras de Fundos Imobiliários para o mês de Agosto de 2021 **

Fonte: CNN, CNBC, Infomoney, TC, G1, Agência Brasil e BDM, estadão.

Deixe um comentário