Ações da Moderna sobem depois que empresa revela vacina de reforço de dose única para Covid e gripe

LinkedIn

As ações da Moderna subiram na quinta-feira (9), depois que anunciou que está desenvolvendo uma vacina de reforço da vacina “dois em um”, que protege contra Covid-19 e a gripe sazonal.

As ações da Moderna negociadas na B3, através do ticker (BOV:M1RN34), subiram 6,5%, ou subiram mais R$ 14,65 na quinta-feira, a um último preço de R$ 240,65.

As ações da Moderna negociadas na Nasdaq (NASDAQ:MRNA), subiram 7,7%, ou mais R$ 32,50 dólares, a um último preço de US$ 455,63.

A nova vacina, que a empresa está chamando de mRNA-1073, combina a vacina de Covid atual da Moderna com uma vacina contra a gripe que também está em desenvolvimento, de acordo com um comunicado à imprensa.

“Hoje estamos anunciando o primeiro passo em nosso novo programa de vacina respiratória com o desenvolvimento de uma vacina de dose única que combina um reforço contra COVID-19 e um reforço contra a gripe”, disse o CEO Stephane Bancel em um comunicado na quinta-feira. “Estamos progredindo na inscrição de pacientes em nossos programas de doenças raras e totalmente inscritos em nosso ensaio de vacina contra o câncer personalizado. Acreditamos que este é apenas o começo de uma nova era de medicamentos baseados em informações”.

O anúncio vem na esteira do lançamento altamente bem-sucedido da Moderna de sua vacina de Covid-19 de duas doses baseada em mRNA, que foi autorizada para uso emergencial pela Food and Drug Administration em dezembro. Mais de 147 milhões de injeções da Moderna foram administradas nos Estados Unidos, de acordo com dados compilados pelos Centros de Controle e Prevenção de Doenças.

A tecnologia do RNA mensageiro, ou mRNA, está em desenvolvimento há anos, mas as vacinas da Moderna e da Pfizer são a primeira vez que o mRNA foi liberado para uso em humanos. As vacinas de Covid baseadas em mRNA funcionam enganando o corpo para produzir uma parte inofensiva do vírus, desencadeando uma resposta imunológica. Diz-se que é mais fácil de produzir do que as vacinas tradicionais, que geralmente usam um vírus morto ou enfraquecido para produzir uma resposta imunológica.

“O que estamos tentando fazer na Moderna é, na verdade, obter uma vacina contra a gripe na clínica este ano e, em seguida, combinar nossa vacina contra a gripe à nossa vacina de Covid para que você só precise receber um reforço na loja CVS local … todos os anos isso protegeria você da variante de preocupação contra a Covid e a cepa da gripe sazonal”, disse Bancel em abril.

A Moderna também anunciou na quinta-feira que está desenvolvendo uma vacina pediátrica, chamada mRNA-1365, que combinaria vacinas contra o vírus sincicial respiratório e o metapneumovírus humano.

Deixe um comentário