Bom dia ADVFN - Boletim Focus, eleições na Alemanha e discurso de Powell na agenda

LinkedIn

Esse é o Bom dia, Investidor!  27 de Setembro de 2021, com tudo o que você precisa saber antes da Bolsa abrir!

Bolsas mundiais: Os mercados operam em alta, à medida que os investidores avaliam a capacidade de crescimento global frente aos impactos de uma desaceleração na China e uma possível crise energética global.

Na Ásia, as bolsas fecharam com resultados variados. Investidores monitoram os papéis relacionados à incorporadora Evergrande. O Shanghai composto perdeu 0,84%. Os papéis do China Evergrande New Energy Vehicle Group listados em Hong Kong perderam 9,42%, após a empresa alertar na sexta que passa por uma “forte falta de recursos”. Os papéis do Grupo Evergrande listados em Hong Kong avançaram, por outro lado, 8,05%. A empresa ainda não se manifestou sobre o pagamento de títulos denominados em dólares no valor de US$ 83 bilhões, que venciam na última quinta-feira. O índice Hang Seng, de Hong Kong, avançou 0,1% na segunda; no Japão, o Nikkei permaneceu estável, em 30.240,06; na Coreia do Sul, o Kospi avançou 0,27%. Na sexta-feira, o Bitcoin perdeu 5%, e nesta segunda voltou a subir 2%. A queda ocorreu após o banco central da China declarar que todas as atividades relacionadas a criptomoedas são ilegais.

Na Europa, os índices operam em alta.  O índice Stoxx 600, que reúne as ações de 600 empresas de todos os principais setores de 17 países europeus, avança 0,4%, com destaque positivo para ações dos setores de petróleo e gás. Quase todos os setores e principais bolsas operam em território positivo. Nesta segunda, a presidente do Banco Central Europeu, Christine Lagarde, deve realizar uma declaração a um comitê do Parlamento Europeu. E o Partido Trabalhista britânico, atualmente na oposição, deverá retomar sua conferência anual em Brighton. A eleição de domingo na Alemanha marcou o início da sucessão da chanceler Angela Merkel depois de 16 anos no comando do país — os quatro mandatos consecutivos fazem dela uma das líderes mais longevas da Europa contemporânea. E isso com uma popularidade de dar inveja a boa parte dos governantes do mundo ocidental: no auge do combate à pandemia na Europa, em janeiro, o índice de satisfação do cidadão alemão com seu governo era de 75% — atualmente, está em 67%. Apesar da boa avaliação, o partido apoiado por Merkel, a União Democrática Cristã (CDU), não obteve a maioria dos votos. O resultado, porém, ainda não determina o próximo governo, que depende das negociações de coalizão e deve ser anunciado oficialmente nas próximas semanas.

Nos Estados Unidosos índices operam no terreno positivo no momento. Na semana passada, os índices americanos tiveram uma atividade intensa, em meio a temores sobre a crise da dívida da incorporadora chinesa Evergrande, à sinalização do Federal Reserve sobre a perspectiva de redução de estímulos monetários e a pressão de Pequim sobre criptomoedas. No noticiário político, investidores monitoram a tentativa do governo de Joe Biden de evitar um “shutdown”, ou seja, uma redução do funcionamento, do governo. No domingo, a presidente da Câmara, Nancy Pelosi, afirmou que espera que o projeto de infraestrutura de US$ 1 trilhão defendido pelo governo democrata seja aprovado nesta semana. Para evitar o “shutdown”, o governo precisa aprovar o orçamento até o final de setembro. Legisladores também precisam encontrar uma forma de aumentar ou suspender o teto de gastos em outubro, de forma a evitar que os Estados Unidos deixem de pagar sua dívida pela primeira vez. Jerome Powell, discursa antes de evento Fed Listens.

==> Acompanhe os mercados mundiais pela ADVFN (aqui)

Os futuros internacionais de petróleo WTI estão sendo negociados a US$ 74,89, com alta de 1,19%. O Brent opera em alta de 1,28%, negociado a US$ 78,21.

Bitcoin (COIN:BTCUSD) é negociado a US$  43.772,19 (-2,92%). O ouro  é negociado a US$ 1.748,85 por onça-troy (+0,18%).

⇒ Bitcoin – Acompanhe o Mundo Cripto na ADVFN

Minério de ferro: O minério de ferro negociado na Bolsa de Dalian registra alta de 3,53%, a 703 iuanes, ou US$ 108,8.

Coronavírus

O mundo registra 231.895.916 de casos de coronavírus e 4.749.498 mortes, confirmadas pela Universidade Johns Hopkins.

Painel Vacinas Covid-19 Brasil:  Doses Distribuídas pela União: 284.622.109. Doses aplicadas: 220.196.882.

Brasil

O número de pessoas vacinadas com ao menos uma dose contra a covid-19 no Brasil chegou no domingo, 26, a 144.536.919, o equivalente a 67,76% da população total. Nas últimas 24 horas, 162,3 mil pessoas receberam a primeira aplicação da vacina, de acordo com dados reunidos pelo consórcio de veículos de imprensa junto a secretarias de 26 Estados e Distrito Federal.

Poderes

O governo Bolsonaro completa mil dias nesta segunda-feira (27), e o presidente planeja fazer um balanço do período, agora que testou negativo para Covid-19 e pode sair do isolamento a que está submetido desde que voltou dos Estados Unidos. Além de uma cerimônia a ser realizada hoje no Palácio do Planalto em comemoração à data, apresentando os feitos de 1º de janeiro de 2019 até agora, haverá uma série de viagens de Bolsonaro pelo país de terça (28) a sexta-feira (1º), percorrendo com ministros as regiões: Nordeste na terça (28), Norte na quarta (29), Sudeste na quinta (30) e Sul na sexta-feira (1º). As viagens têm como objetivo realizar a entrega de obras e anúncios de parcerias com gestores municipais e estaduais.

Economia

Os preços sobem e a vida não melhora. Essa combinação de percepções atingiu com mais força a vida do brasileiro nos últimos meses e pode ficar pior. Isso porque falta pouco para o país reviver um quadro de estagflação, alertam especialistas. Esse cenário se configura quando dois monstros da economia se juntam: inflação alta com baixo crescimento. Pressionado sobretudo pelos combustíveis e pela energia elétrica, o IPCA, índice oficial de preços, já encostou nos dois dígitos em 12 meses, muito acima do teto da meta para o ano. Enquanto isso, as previsões para o avanço do PIB (Produto Interno Bruto) no terceiro trimestre já ficam perto de zero, depois de uma leve queda na atividade de 0,1% de abril a junho.

Em busca de apoio, o ministro da Economia, Paulo Guedes, e sua equipe prepararam uma cartilha com uma espécie de bê-á-bá das principais mudanças aprovadas na reforma administrativa. Foram listadas 21 mudanças, que na avaliação da equipe econômica trazem avanços no RH do serviço púbico caso o texto seja aprovado pelo plenário da Câmara e do Senado. Entre as mudanças, a eliminação de benefícios para novos servidores, como férias superiores a 30 dias e promoções baseadas exclusivamente em tempo de serviço. A proposta não retira dos atuais servidores esses direitos já adquiridos. O texto foi aprovado na comissão especial da Câmara, na semana passada, mas enfrenta resistências não só de categorias do funcionalismo público, mas também de apoiadores históricos da reforma que chamaram de antirreforma a proposta do relator, deputado Arthur Maia (DEM-BA).

Agenda Econômica

🇧🇷 Índice IPC- Fipe (05h00)
🇧🇷 INCC-M mensal (08h00)
🇧🇷 Relatório Boletim Focus (08h25) ⭐️
🇺🇸 Federal Reserve – Discurso do diretor Charles Evans (09h00)⭐️
🇧🇷 Taxa de inadimplência recursos livres mensal (09h30)
🇧🇷 Variação do estoques de crédito total mensal (09h30) ⭐️
🇺🇸 Núcleo de pedidos de bens duráveis mensal (09h30)
🇺🇸 Índice de atividade industrial Fed Dallas mensal (11h30)
🇺🇸 Federal Reserve – Discurso do diretor John Willians (13h00)⭐️
🇺🇸 Federal Reserve – Discurso do diretor Lael Brainard (13h15)⭐️
🇺🇸 Leilão primário de Treasuries de 2 anos (14h00) ⭐️
🇺🇸 Leilão primário de Treasuries de 5 anos (14h00) ⭐️
🇧🇷 Relatório mensal da dívida pública do Tesouro Nacional (14h30)
🇧🇷 Relatório mensal da dívida de agosto (14h30) ⭐️

Ibovespa e dólar no último pregão:

Ibovespa:  

Referência do mercado brasileiro, o índice encerrou em queda de 0,69%, a 113.282 pontos, após uma semana de grande volatilidade, marcada pelos temores de contágio nos mercados globais por um eventual calote da gigante chinesa Evergrande, e pelas reuniões dos bancos centrais norte-americano e brasileiro, que definiram a política monetária dos dois países para os próximos meses. O índice teve saldo positivo de 1,66% na semana depois de encadear três altas seguidas.

Maiores altas do Ibovespa

BEEF3: +4,52% a R$ 10,17
PRIO3: +3,87% a R$ 21,99
JBSS3: +3,72% a R$ 35,13
PCAR3: +3,08% a R$ 27,46
BRFS3: +2,68% a R$ 24,56

Maiores baixas do Ibovespa

CASH3: -7,09% a R$ 6,95
CSNA3: -3,59% a R$ 29,03
AMER3: -3,55% a R$ 34,24
NTCO3: -2,92% a R$ 46,89
TOTS3: -2,89% a R$ 38,00

Dólar    

dólar comercial: encerrou o dia em R$ 5,3340, com alta de 0,60%. A elevação foi influenciada, sobretudo, por fatores internos como a alta do IPCA-15 de 1,14% em setembro ante agosto, além dos temores políticos e fiscais que continuam no radar.

Ifix   

O índice fechou a sessão em alta de 0,15%, aos 2.709,40 pontos. Em contrapartida, no acumulado semanal o recuo foi de 0,75%. Na mínima do dia o índice bateu em 2.705,38 pontos, enquanto a máxima foi de 2.712,66 pontos. Para setembro, o índice concentra uma queda de 1,47%. Já no ano, recua 6,14%. A movimentação financeira foi de R$ 214,94 milhões.

🏭  ** Carteiras de Fundos Imobiliários de setembro de 2021 ** 🏭

Fonte: CNN, CNBC, Infomoney, TC, G1, Agência Brasil e BDM, correio braziliense, estadão.

Deixe um comentário