Vibra Energia: BTG Pactual ressalta um possível potencial de crescimento pequeno

LinkedIn

De acordo com o BTG Pactual, a Vibra Energia (ex BR Distribuidora) combina curto prazo com fortes ganhos, avaliação “relativamente pouco exigente”, além de uma “gestão competente e balanço robusto”. O banco, no entanto, ressalta um possível potencial de crescimento pequeno.

A companhia traçou um caminho claro em relação ao que quer se tornar e como pretende se proteger de desafios em relação a questões regulatórias e tecnológicas de distribuidores de combustíveis, de acordo com o BTG Pactual.

De acordo com o BTG Pactual, a Vibra Energia (BOV:BRDT3) reconheceu que o potencial de crescimento a longo prazo “pode ser baixo”, o que deve limitar a valorização das ações até que a empresa demonstre acerto em seus novos empreendimentos. Os analistas Thiago Duarte e Pedro Soares afirmam que a orientação final “deixou um gosto amargo”.

BTG Pactual tem recomendação de compra, com preço-alvo de R$ 35,00.

Deixe um comentário