Bom dia ADVFN - Os preços do petróleo avançam e dados de emprego no Brasil no radar

LinkedIn

Esse é o Bom dia, Investidor!  28 de Dezembro de 2021, com tudo o que você precisa saber antes da Bolsa abrir!

📣📰 Confira as principais manchetes dos jornais de hoje 📰

Bolsas mundiais:  As bolsas mundiais avançam, marcando um início de semana positivo. Tradicionalmente, a última semana do ano é de altas para as bolsas americanas, algo apelidado pelo mercado de “Rali do Papai Noel” (Santa Claus Rally).

Na Ásia, as bolsas fecharam em alta, seguindo os bons resultados dos Estados Unidos, com destaque positivo para o índice Nikkei, do Japão. Em Hong Kong, as ações do setor de tecnologia tiveram tendência de quedas após o jornal britânico Financial Times reportar que a empresa de caronas pagas Didi está impedindo indefinidamente que seus funcionários vendam suas ações, com destaque negativo para a Tencent, que recuou 2,13%; e para a Meituan perdeu 1,15%. O Alibaba, no entanto, avançou 0,44%. Fechamento: Nikkei (Japão), +1,37%, Shanghai SE (China), +0,39%, Hang Seng Index (Hong Kong), +0,24%, Kospi (Coreia do Sul), +0,69%.

Na Europa, os mercados operam em alta. O índice Stoxx 600, que reúne as ações de 600 empresas de todos os principais setores de 17 países europeus, avança 0,35%, com resultados positivos para a maior parte das bolsas e setores. O índice FTSE, do Reino Unido, no entanto, permanece fechado.

Nos Estados Unidos,  os índices operam com leves altas no momento. Na segunda, as bolsas tiveram fortes altas. O índice S&P 500 avançou cerca de 1,4%, fechando em um novo patamar recorde; o Nasdaq teve alta de 1,4%, ficando cerca de 2% abaixo de seu patamar recorde para um fechamento; e o Dow avançou cerca de 352 pontos, cerca de 1% abaixo de seu recorde. No ano, o S&P acumula alta de 27,6%; o Nasdaq tem alta de 23,1%; e o Dow, de 18,6%. Na segunda, o Centro para Prevenção e Controle de Doenças (CDC na sigla em inglês) dos EUA reduziu a recomendação de isolamento para pessoas que testam positivo para a Covid de 10 para 5 dias, caso não tenham sintomas. Mas os papéis de companhias aéreas tiveram maus resultados na segunda, em meio ao cancelamento de centenas de voos do feriado natalino por conta da propagação da Ômicron, mesmo uma semana após pesquisas divulgadas no Reino Unido e na África do Sul indicarem que a variante leva a menos risco de hospitalização e adoecimento grave.

==> Acompanhe os mercados mundiais pela ADVFN (aqui)

Os futuros internacionais de petróleo WTI estão sendo negociados a US$ 75,98 com alta de 0,53%. O Brent opera em alta de 0,38%, negociado a US$ 78,52.

Bitcoin (COIN:BTCUSD) é negociado a US$ 49.425,22  (-2,4%). O ouro  é negociado a US$ 1.816,45 por onça-troy (+0,45%).

⇒ Bitcoin – Acompanhe o Mundo Cripto na ADVFN

Minério de ferro: O minério de ferro negociado na bolsa de Dalian teve baixa de -3,37%, a 673,5 iuanes, o equivalente a US$ 105,72.

Coronavírus

A explosão de casos da Covid-19 nos Estados Unidos, que afetou a disponibilidade de funcionários de companhias aéreas na segunda-feira, causando centenas de cancelamentos de vôos, levou o principal especialista em doenças infecciosas do país a sugerir que o governo considere exigir a obrigação da vacina para viagens aéreas domésticas. Assim como outras empresas, as companhias aéreas estão experimentando dificuldades com suas equipes nos últimos dias, conforme a propagação de infecções pela variante Ômicron deixou pilotos, tripulantes e outros trabalhadores que adoeceram em casa de quarentena. O número médio de novos casos Covid-19 nos Estados Unidos aumentou 55% para mais de 205.000 por dia nos últimos sete dias, de acordo com uma contagem da Reuters.

O mundo registra 281.420.873 de casos de coronavírus e 5.407.244 mortes, confirmadas pela Universidade Johns Hopkins.

Painel Vacinas Covid-19 Brasil:  Doses Distribuídas pela União: 381.214.862 Doses aplicadas: 315.180.274 (atualizado em 09/12/2021).

A semana começou com mais uma leva de voos internacionais sendo cancelados por motivos relacionados à pandemia de covid-19 e ao avanço da variante ômicron, provocando um caos aéreo que atrapalha o período festivo de milhares de pessoas. Em alguns lugares, o mau tempo também teve um papel importante. No Brasil, o site FlightAware identificou 116 atrasos e 2 cancelamentos no domingo (26), e 29 atrasos e um cancelamento até o início da tarde de segunda-feira. Segundo as companhias aéreas, os cancelamentos se devem à necessidade de isolar tripulantes que tenham testado positivo para covid-19 ou que precisem fazer quarentena por terem entrado em contato com passageiros infectados.

Na segunda-feira (27), o Ministério da Saúde divulgou uma nota reafirmando ser favorável à aplicação de vacinas contra a Covid-19 em crianças de 5 a 11 anos e que a campanha para este público deve começar ainda em janeiro. O calendário oficial deve ser divulgado após o dia 5 de janeiro, prazo para a coleta de dados da consulta pública feita pela pasta.

Brasil

Com novas regras, aposentadoria se torna mais difícil a partir do dia 1º: começam a valer em 1º de janeiro de 2022 as novas regras de aposentadoria pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). As alterações seguem a reforma da Previdência, em vigor desde novembro de 2019. Nesta rodada, as mudanças concentram-se nas regras de transição por pontos ou por idade mínima, voltadas a quem já estava no mercado de trabalho antes da promulgação da reforma. Para esse público, as modificações ocorrem de maneira escalonada, ano a ano.

Poderes

Já chega a 738 o número de auditores da Receita Federal que entregaram os seus cargos de chefia em protesto contra o governo. O contingente representa 93% dos delegados em todo o País. Todas as áreas são afetadas pela paralisação, principalmente as alfândegas, portos, aeroportos e fronteira.

Economia

A alta da taxa básica de juros (Selic) e o maior risco de calote, por causa da estagnação da economia, fizeram os juros ao consumidor, que já eram exorbitantes, dispararem em 2021. Entre janeiro e novembro, as taxas médias cobradas nos crediários do comércio passaram de 72,7% para 80% ao ano. Os juros do cheque especial, por sua vez, foram de 127,7% para 140,3%. E os do cartão de crédito, de 257,1% para 340,8%, segundo levantamento da Associação Nacional de Finanças, Administração e Contabilidade (Anefac). Nesse período, a Selic foi de 2% para 7,75% ao ano (em dezembro subiu mais um pouco e alcançou 9,25%). “Os bancos repassaram mais do que a alta da Selic para a taxa ao consumidor por conta da piora do cenário econômico, da expectativa de um risco maior de crédito”, diz Miguel Ribeiro de Oliveira, diretor executivo da Anefac. Segundo ele, a perspectiva de piora da inadimplência ocorre não só por causa da inflação, que corrói a renda dos cidadãos, mas também pelo desemprego em patamares elevados. Além disso, há mais uma alta dos juros de 1,5 ponto porcentual já sinalizada pelo Banco Central (BC) para fevereiro e a expectativa de retração da economia para o ano que vem. Isso sem falar de uma eventual onda da covid-19 por causa da nova variante do vírus, acrescenta.

Safra de grãos 2021/2022 tem expectativa recorde: a safra de grãos 2021/2022 pode chegar a 291 milhões de toneladas graças ao entusiasmo do setor pelos preços e pelo bom desempenho da agricultura brasileira. A avaliação é da ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina.

Agenda Econômica

🇧🇷 Pesquisa PNAD contínua mensal e trimestral (09h00)⭐️
🇧🇷 Taxa de inadimplência recursos livres mensal (09h30)
🇧🇷 Variação do estoques de crédito total mensal (09h30) ⭐️
🇺🇸 Sondagem industrial do Fed Richmond mensal (12h00)
🇺🇸 Leilão primário de Treasuries de cinco anos (15h00) ⭐️
🇺🇸 Variação de estoques de petróleo API (18h30)
 Ibovespa e dólar no último pregão:

Ibovespa:  

Referência do mercado brasileiro, o ibovespa fechou em alta de 0,63%, aos 105.554 pontos no pregão de segunda-feira (27), que foi marcado pelo baixo volume de negociações, por conta do período de festas de final de ano, e com as varejistas Magazine Luiza e Via como destaques de alta.

Maiores altas do Ibovespa

MGLU3: +9,35% a R$ 6,78
VIIA3:+8,00% a R$ 4,86
QUAL3:+4,91% a R$ 16,65
PRIO3:+4,87% a R$ 20,66
RDOR3: +4,83% a R$ 44,72

Maiores baixas do Ibovespa

BPAN4: -3,23% a R$ 10,50
ASAI3: -3,19% a R$ 13,64
AZUL4:-2,99% a R$ 25,67
GOLL4: -2,12% a R$ 18,04
MRFG3: -2,02% a R$ 22,27

Na Toro, traders podem usar a plataforma Profit Pro grátis

💲 Carteira recomendada mensal de Dezembro de 2021: todas as corretoras, bancos e casas de análises💲

Dólar    

dólar comercial: o dólar comercial terminou o dia em baixa de 0,42%%, cotado a R$ 5,638 na compra e a R$ 5,639 na venda. Na máxima do dia, porém, a moeda ultrapassou os R$ 5,70, a R$ 5,706, enquanto na mínima esteve a R$ 5,634.

Juros

O DI para janeiro de 2023 recuou 0,01 ponto porcentual para 11,63%; DI para janeiro de 2025 caiu 0,09 pontos-base para 10,56%; e o DI para janeiro de 2027 diminuiu 0,09 pontos-base a 10,47%.

Ifix   

O índice fechou a sessão em alta de 0,70%. Este foi o 8º dia seguido de altas no índice de FIIs. No parcial de dezembro o IFIX acumula alta de 6,41%. No ano, recua 6,26%. A movimentação financeira foi de R$ 208,46 milhões.

Fonte: CNN, CNBC, Infomoney, TC, G1, Agência Brasil e BDM, correio braziliense, estadão.

 

 

Deixe um comentário