Expedia Group (EXGR34) registrou lucro líquido de US$ 276 milhões no quarto trimestre

LinkedIn

Prevendo um “ano mais brilhante pela frente”, o Expedia Group Inc. (NASDAQ:EXPE) disse após o fechamento do pregão regular de quinta-feira, que o impacto da variante Ômicron nas viagens não foi tão grave quanto as interrupções anteriores da Covid-19.

As reservas brutas totais foram de US$ 17,5 bilhões no quarto trimestre, um aumento de 131% ano a ano e queda de 25% em comparação com o quarto trimestre de 2019. A empresa disse que foi o menor declínio trimestral do ano passado quando comparado com os números pré-pandemia.

“A indústria de viagens e o público viajante se mostram mais resilientes a cada onda que passa, e continuamos esperando uma sólida recuperação geral em 2022, exceto uma mudança na trajetória do vírus”, disse o presidente-executivo da Expedia, Peter Kern, em comunicado.

Na teleconferência de resultados da empresa, ele disse que “o mundo se acostumou com a pandemia” e que “talvez entre em um estágio endêmico”.

Apesar das expectativas de receita ligeiramente abaixo das expectativas, as ações EXPE da Expedia subiram 6,7% na manhã de sexta-feira (11), depois de aumentar 0,3% no pregão regular de quinta-feira, fechando em US$ 197,52.

O Expedia Group também é negociado na B3 através do ticker (BOV:EXGR34).

As ações EXGR34 aumentaram 8,7%, ou mais +R$ 43,84 reais por ação, às 11h21 de sexta-feira, a R$ 548,24 reais.

Dando uma visão mais detalhada da recuperação da empresa, o diretor financeiro Eric Hart disse na teleconferência que o total de reservas caiu 27% em dezembro em comparação com 2019, melhorou para 11% em janeiro e subiu em relação a 2019 nas últimas semanas”.

Kern também disse que a recuperação das viagens variou em diferentes lugares e que, como algumas grandes cidades e destinos internacionais ainda não se recuperaram tão rapidamente da pandemia, ele espera que a Expedia se beneficie quando isso acontecer.

A empresa de reservas de viagens baseada em Seattle registrou lucro líquido de US$ 276 milhões no quarto trimestre, ou US$ 1,06 ajustado por ação, ajustado para compensação baseada em ações e outros custos. Isso em comparação com uma perda de US$ 412 milhões, ou US$ 2,64 por ação, no mesmo período do ano passado. A receita subiu para US$ 2,28 bilhões, de US$ 920 milhões no mesmo trimestre do ano passado.

Analistas consultados pela FactSet previam lucro de US$ 0,80 centavos por ação e receita de US$ 2,29 bilhões.

Para o ano inteiro, a Expedia registrou US$ 72,43 bilhões em reservas brutas e US$ 8,6 bilhões em receita. A empresa registrou um prejuízo líquido de US$ 269 milhões, ou US$ 1,80 por ação. O lucro ajustado foi de US$ 1,65 por ação. Analistas esperavam lucro de US$ 1,33 por ação sobre receita de US$ 8,63 bilhões.

As ações da Expedia subiram 9,3% no acumulado do ano, em comparação com o índice S&P 500 que caiu 5,5% até agora este ano.

Com informações de MarketWatch

Deixe um comentário