São Martinho (SMTO3): lucro líquido de R$ 696,9 milhões no terceiro trimestre do ano-safra 2021/22

LinkedIn

A São Martinho, uma das maiores empresas do setor de cana-de-açúcar, reportou lucro líquido de R$ 696,9 milhões no terceiro trimestre do ano safra 2021/22.

O resultado representa um crescimento de 256% em relação ao mesmo período de 2020. Nos primeiros nove meses do ciclo, o lucro líquido atingiu a cifra de R$ 1,3 bilhão.

Ebitda – lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização – ajustado aumentou ainda mais – 37%, alcançando R$ 892,8 milhões. Com isso, a margem Ebitda ganhou mais 4,6 pontos e atingiu o recorde de 58,3%.

A receita líquida somou R$ 1,5 bilhão no terceiro trimestre do ano safra 2021/22, alta de 26,2% em relação ao mesmo período do ano anterior. O lucro caixa somou R$ 639,2 milhões no 3T22, um aumento de 108,5% em relação ao mesmo período da safra anterior, refletindo, principalmente, o aumento do Ebitda no período.

A dívida líquida totalizou aproximadamente R$ 3,4 bilhões – aumento de 24,8% em relação à março/2021, refletindo principalmente a maior alocação em capital de giro, notadamente estoques, que deverá ser convertido em caixa ao longo dos próximos trimestres.

Em nove meses, o grupo apresentou um fluxo de caixa operacional de R$ 1,3 bilhão, alta de mais de 60%, e uma redução de alavancagem de 10%, a 1,15 vez.

O capex de manutenção da Companhia somou R$ 484,2 milhões no 3T22, representando um aumento de 30,0% no período. Conforme mencionamos no trimestre anterior, os principais efeitos que contribuíram para o aumento no período foram: o efeito do adiantamento do cronograma de manutenção, de área de plantio e área tratada, em relação ao 3T21, em decorrência do menor período de safra, e aumento do preço de insumos, principalmente, fertilizantes, afetando a linha de tratos culturais, conforme já mencionamos anteriormente na seção de ‘Custo Caixa Por Produto’ do release. No período acumulado, o aumento do capex de manutenção foi de 28,9% impactado, principalmente pelos mesmos motivos que afetaram o trimestre.

Produção

No período acumulado dos primeiro nove meses da safra 21/22, a Companhia processou 19,9 milhões de toneladas de cana-de açúcar, apresentando redução de 11,6% em relação ao volume processado no mesmo período da safra anterior.

Conforme já mencionado pela Companhia em trimestres anteriores, essa redução reflete, principalmente, a estiagem prolongada no período, além da menor quantidade de dias de safra, em comparação com 9M21. Considerando que o nível de ATR médio (146,7 kg/ton) se apresentou 0,7% superior no 9M22, o total de ATR produzido reduziu 11,0%.

Diante de métricas financeiras confortáveis, a companhia decidiu subir a régua em seu investimento em uma usina de etanol de milho e incorporar novas tecnologias. Para isso, elevou em R$ 100 milhões o capex do projeto, orçado agora em R$ 750 milhões. Do valor adicional, R$ 30 milhões refletem o detalhamento de custos de construção e a inflação de materiais, como aço.

Investimento adicional em planta

A São Martinho aprovou, o investimento adicional de aproximadamente R$ 100 milhões destinados para a planta de etanol de milho, acoplada à Usina Boa Vista.

Segundo a companhia, o incremento dos investimentos destinados ao projeto se deve, principalmente, à atualização de escopo e à maior customização na destilaria, que possibilita maior eficiência energética (menor consumo de vapor e energia elétrica), viabilizando possíveis expansões futuras da planta, além dos efeitos da inflação de insumos, peças e equipamentos ocorrida no período.

A São Martinho informou que o início da operação plena da planta está previsto para outubro de 2022 e trará capacidade de produção adicional para a companhia de, aproximadamente, 210 mil metros cúbicos de etanol, 150 mil toneladas de DDGS (Distiller’s Dried Grains with Solubles), e 10 mil tons de óleo de milho.

Os resultados da São Martinho (BOV:SMTO3) referentes às suas operações do terceiro trimestre de 2021/2022 foram divulgados no dia 15/02/2022. Confira o Press Release complete!

Teleconferência

Em telecoferência, Felipe Vicchiato, CFO e RI da São Martinho, informou que a planta custaria R$ 640 milhões, mas o custo foi acrescido em R$ 30 milhões por conta da inflação acima do esperado no aço, cimento, entre outros insumos. Já os R$ 70 milhões restantes “foi efetivamente adequação do projeto”.

“Vimos a oportunidade de suprimento de energia da planta. As principais mudanças: Boa Vista planta de etanol de milho vai produzir só (etanol) anidro; e a Boa Vista planta de etanol de cana de açúcar só (produzirá etanol) hidratado”, disse.

O início da operação plena da planta está previsto para outubro de 2022 e processará 500 mil/t de milho e trará capacidade de produção adicional para a companhia de aproximadamente 210 mil m³ de etanol, 150 mil toneladas de DDGS (Distiller’s Dried Grains with Solubles), e 10 mil toneladas de óleo de milho.

Felipe Vicchiato, diretor financeiro e de relações com investidores da São Martinho, disse em teleconferência com analista nesta terça (15) que dois itens preocupam na próxima safra da cana de açúcar, a partir de abril: fertilizantes e diesel.

“Fertilizantes devem subir algo em torno de 15% – e já vem de uma base mais alta. Ele responde por 7% do custo total. O diesel deve subir algo em torno de 15% – ele representa 8% do custo total. Esses são dois grandes ofensores.”

VISÃO DO MERCADO 

Ativa Investimentos

A São Martinho divulgou bons resultados, acima das nossas estimativas, com receitas impulsionadas pelo elevado preço de negociação do etanol e do açúcar.

Além disso, houve redução de despesas com vendas e administrativas. Com isso, a companhia teve forte expansão de EBITDA e geração de caixa, também acima das nossas estimativas, o que levou o lucro líquido também a crescer acima das nossas estimativas e reduziu a alavancagem em 9% YoY.

Do lado negativo, os volumes de processamento caíram mais do que o esperado em função da estiagem e menor quantidade de dias de safra.

Ativa tem recomendação neutra com preço-alvo de R$ 42,20…

Bradesco BBI

A São Martinho teve Ebitda ajustado de R$ 893 milhões e lucro líquido de R$ 697 milhões (acima da nossa estimativa de R$ 367 milhões e consenso de R$ 326 milhões), mas é “marginalmente negativo” o anúncio de que a empresa precisará investir mais R$ 100 milhões em seu projeto de etanol de milho.

No setor de agronegócios, a principal escolha do BBI é o varejista de insumos 3Tentos (TTEN3, com preço-alvo de R$ 18,00).

Bradesco BBI tem recomendação underperform, com preço-alvo de R$ 35,00.

Morgan Stanley

Como esperado, o forte ambiente de preços de commodities apoiado pelo Brent continua a ajudar o São Martinho a superar os efeitos dos eventos climáticos, avalia o Morgan Stanley. As margens foram fortes e as perspectivas para 2023 são de níveis ainda melhores. O clima melhorou e o principal risco hoje está relacionado às políticas de combustível no Brasil.

Morgan Stanley mantém recomendação equal-weight com preço-alvo de R$ 42,00…

* Com informações da ADVFN, RI das empresas, Valor, Infomoney, Estadão, Reuters

Deixe um comentário

Seu Histórico Recente
BOV
VALE5
Vale PNA
BOV
IBOV
iBovespa
BOV
PETR4
Petrobras
BOV
IGBR3
IGB SA
FX
USDBRL
Dólar EUA ..
Ações já vistas aparecerão nesta caixa, facilitando a volta para cotações pesquisadas anteriormente.

Registre-se agora para criar sua própria lista de ações customizada.

Faça o login em ADVFN
Registrar agora

Ao acessar os serviços da ADVFN você estará de acordo com os Termos e Condições

Support: (11) 4950 5808 | suporte@advfn.com.br

V: D: 20230609 12:35:38