GPA diz que não foi citado em ação de falência pela Pinturas Isocor

LinkedIn

Em resposta a um questionamento da B3 a respeito de um pedido de falência feito pela Pinturas Isocor Ltda, o Grupo Pão de Açúcar declarou, no final da manhã desta terça-feira, que não foi citado com relação a qualquer ação judicial neste sentido e, portanto, não pode responder sobre o pedido de falência veiculado na mídia.

O pedido de falência foi publicado na edição de hoje do Valor. Em comunicado ao mercado, o GPA (BOV:PCAR3) diz que, embora não tenha sido formalmente notificado, tomará as medidas cabíveis para sua defesa com relação ao pedido de falência e manterá seus acionistas e o mercado em geral informados.

Além disso, afirma que o valor requerido, de aproximadamente, R$ 286 mil, está em discussão entre as partes, mas que, por se tratar de um valor irrelevante e controverso, tal pedido de falência não repercute no curso dos negócios da companhia.

Informações BDM

Deixe um comentário