Bom dia ADVFN - Dados da Inflação nos EUA, varejo no Brasil e mais destaques

LinkedIn

Esse é o Bom dia, Investidor!   10 de agosto de 2022, com tudo o que você precisa saber antes da Bolsa abrir!

Bolsas mundiais:  Os índices futuros americanos e bolsas europeias operam em alta à espera da última leitura do índice de preços ao consumidor (CPI, na sigla em inglês) de julho dos EUA. O Fed avaliará os dados do CPI, juntamente com outros dados econômicos importantes, antes de sua reunião de setembro, onde deve aumentar as taxas de juros novamente.

Na Ásia, as bolsas fecharam em queda após a divulgação da inflação na China e com os investidores aguardando os dados do CPI dos EUA que deverão ser divulgados hoje. Na China, o Xangai perdeu -0,54% e, em Shenzhen, o índice caiu -0,35%. Mas foi em Hong Kong a maior queda, com o Hang Seng recuando -1,96%. Em Tóquio, o Nikkei teve baixa de -0,65% e, em Seul, o Kospi perdeu -0,90%. Por fim, em Taiwan, o Taiex apresentou baixa de -0,74%.

Na Europa, as Bolsas operam em queda, mas aos poucos os investidores foram permitindo alguma virada de sinal e operam mistas bem próximo da estabilidade. Os negócios estão à espera do dado de hoje sobre a inflação anual americana.

Nos Estados Unidos,  Os índices operam em alta no momento, com investidores aguardando o último relatório do índice de preços ao consumidor (CPI), que pode confirmar ou acabar com as esperanças de que os preços em alta tenham se estabilizado. Economistas esperam que o relatório mostre que a inflação desacelerou um pouco, liderada pela queda nos preços do petróleo.

==> Acompanhe os mercados mundiais pela ADVFN (aqui)

Os futuros internacionais de petróleo WTI estão sendo negociados a US$  89,31 com baixa de 1,31%. O Brent opera em baixa de 1,30%, negociado a US$ 95,06.

Bitcoin (COIN:BTCUSD) é negociado a US$ 23.112,33 (-2,93%). O ouro  é negociado a US$ 1.806,30 por onça-troy (-0,33%).

⇒ Bitcoin – Acompanhe o Mundo Cripto na ADVFN

Minério de ferro:  O Minério de ferro negociado na bolsa de Dalian teve baixa de 1,70%, a 724,50 iuanes, o equivalente a US$ 131,95.

Coronavírus

O Brasil registrou 359 novas mortes pela covid-19 nas últimas 24 horas. A média semanal de vítimas ficou em 219. O número de novas infecções notificadas foi de 30.994, enquanto a média de novos testes positivos da última semana está em 25.051. No total, o Brasil tem 680.598 mortos e 34.065.650 casos da doença.

Brasil

Atualmente em 9,3%, a taxa de desemprego pode cair para 8% antes do fim do ano com a recuperação econômica, disse ontem o ministro da Economia, Paulo Guedes. Ele participou da abertura do congresso da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), em Brasília. “Antes de o ano acabar nós estamos descendo [a taxa de desemprego] para 8%. Vamos terminar o ano com o menor desemprego que já vimos nesses últimos 10, 15 anos”, declarou o ministro. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE), a taxa de desemprego atingiu, no trimestre encerrado em junho, o menor nível para o período em sete anos. Guedes atribuiu parte da recuperação do mercado de trabalho à melhoria do ambiente de negócios, com a redução da burocracia. “O Brasil está em um longo ciclo de crescimento. Criamos um ambiente de negócios que já tem contratos de R$ 890 bilhões. É 10 vezes o que um ministro investe”, ressaltou.

Poderes

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD/MG), informou que vai colocar em votação no dia 29 de agosto o projeto de lei que trata da obrigação dos planos de saúde cobrirem tratamentos que não estejam previstos pela ANS (Agência Nacional de Saúde).

Em meio a discussões no governo federal sobre possíveis mudanças no teto de gastos, especialistas afirmam que uma alteração no “piso”, as despesas obrigatórias, seria mais positiva e correta, afastando efeitos negativos de reformar a regra para despesas públicas. Atualmente, cerca de 95% do Orçamento do governo é composto por gastos obrigatórios, ligados principalmente à previdência e ao pagamento de salários para servidores.

Economia

O Comitê de Política Monetária (Copom) deu mais sinais na terça-feira (9) que o ciclo de alta da Selic pode ter chegado ao fim. O BC reconhece que o efeito potencial da Selic no atual patamar é bastante “intenso e tempestivo” e seus efeitos ainda devem ser vistos na economia. No comunicado, o BC deixou a porta aberta para um ajuste adicional em setembro, mas de menor magnitude.

A expectativa para o turismo no segundo semestre é de aumento de vendas, segundo dados levantados pelo Ministério do Turismo. Sete em cada dez (71,5%) agências e operadoras estimam uma demanda maior de turistas até o final do ano. Em relação ao faturamento, 67,7% dos empresários esperam uma ampliação nos ganhos no mesmo período.

Agenda Econômica

– Alemanha/Destatis: índice de preços ao consumidor (CPI) de julho (3h)
– IBGE: Pesquisa Mensal de Comércio (Restrita e Ampliado) de junho (9h)
– EUA/Dept°. do Trabalho: índice de preços ao consumidor (CPI) de julho e Núcleo do CPI (9h30)
– EUA/Dept°. do Comércio: estoques no atacado em junho (11h)
– EUA/DoE: Estoques de petróleo da semana até 05/08 (11h30)
– EUA: Presidente do Fed de Chicago, Charles Evans, participa de evento
– BC: Fluxo cambial semanal (14h30)
– EUA: Presidente do Fed de Minneapolis, Neel Kashkari, participa de painel na Aspen Ideas Conference (15h)
Ibovespa e dólar no último pregão:

Ibovespa:  

Referência do mercado brasileiro, o principal índice fechou em alta de 0,23%, aos 108.651,05 pontos, renovando as máximas em dois meses.

Maiores altas do Ibovespa

QUAL3: +3,45%, a R$ 11,71
ITUB4: +2,61%, a R$ 25,90
BRKM5: +2,20%, a R$ 36,62
CMIG4: +2,18%, a R$ 12,18
VALE3: +2,07%, a R$ 70,00

Maiores baixas do Ibovespa

CVCB3: -10,96%, a R$ 7,07
NTCO3: -9,62%, a R$ 16,44
CASH3: -8,96%, a R$ 1,22
GOLL4: -6,78%, a R$ 9,90
PETZ3: -6,04%, a R$ 10,88

Na Toro, traders podem usar a plataforma Profit Pro grátis

Dólar    

O dólar comercial fechou em alta de 0,32%, a R$ 5,129, em um movimento de ajuste da moeda após fortes quedas e com uma cautela no exterior antes da divulgação da inflação nos Estados Unidos na quarta-feira (10).

Juros

Os DIs para 2027 e 2029 tiveram, ambos, suas taxas caindo 27 pontos-base, para 11,75% e 11,96%, respectivamente. Os yields DIs para 2031 recuaram 29 pontos, para 12,04%. Os DIs para 2025 viram seus rendimentos recuando 23 pontos, para 11,90%, e os para 2023, três pontos, para 13,74%.

Ifix   

O índice fechou com alta 0,16% aos 2.825 pontos. O índice bateu na mínima de 2.819 pontos e na máxima chegou a 2.826 pontos.

Fonte: CNN, CNBC, Infomoney, TC, G1, Agência Brasil e BDM, correio braziliense, estadão, isto é dinheiro.

Deixe um comentário