ADVFN Logo ADVFN

Não encontramos resultados para:
Verifique se escreveu corretamente ou tente ampliar sua busca.

Tendências Agora

Rankings

Parece que você não está logado.
Clique no botão abaixo para fazer login e ver seu histórico recente.

Hot Features

Registration Strip Icon for pro Negocie como um profissional: Aproveite discussões em tempo real e ideias que movimentam o mercado para superar a concorrência.

EUA: O índice de gastos com consumo pessoal mostra que as pressões de preços diminuíram em julho

LinkedIn

Uma importante medida de inflação observada de perto pelas autoridades norte-americanas mostrou que os aumentos de preços desaceleraram em julho, disse o Bureau of Economic Analysis na sexta-feira (26).

O índice de gastos com consumo pessoal mostrou um aumento anual de 6,3% em julho, ante 6,8% em junho. Na verdade, o índice caiu 0,1% mês a mês.

O núcleo do índice PCE, que exclui os preços voláteis de alimentos e energia, mostrou um aumento de 4,6% ano a ano e um ganho de 0,1% mês a mês em julho, ficando mais suave do que as previsões em ambas as contagens. Economistas consultados pelo Dow Jones esperavam 4,8% para a leitura do núcleo ano a ano e 0,2% para a variação mês a mês.

Em junho, as leituras do núcleo mostraram alta de 4,8% ano a ano e 0,6% mês a mês.

O PCE é a medida de inflação preferida do Federal Reserve. Autoridades do Fed estão falando em Jackson Hole, Wyoming, esta semana, enquanto os investidores procuram pistas sobre os próximos passos do ciclo de aumento das taxas do banco central. O presidente do Fed, Jerome Powell, deve falar na sexta-feira.

O presidente do Fed de Atlanta, Raphael Bostic, disse que o relatório de sexta-feira o faria se inclinar ligeiramente para um aumento de meio ponto em setembro, uma desaceleração do aumento de três quartos de ponto que o Fed fez em suas reuniões anteriores. No entanto, Bostic enfatizou que há mais dados econômicos nas próximas semanas que podem fazê-lo mudar de ideia.

A leitura do PCE vem cerca de duas semanas após o relatório do índice de preços ao consumidor de julho, que mostrou um aumento mais lento do que o esperado nos preços ano a ano e 0% de inflação mensalmente. Esse relatório levou alguns estrategistas de Wall Street a dizer que a inflação provavelmente atingiu o pico.

Em outras partes do relatório, o crescimento da renda pessoal em julho foi de 0,2% e os gastos do consumidor aumentaram 0,1%. Economistas consultados pelo Dow Jones esperavam aumentos de 0,6% e 0,5%, respectivamente.

Com informações de CNBC

Gratuito - Quero ver a lista de criptomoedas - clique no banner

Deixe um comentário