ADVFN Logo

Não encontramos resultados para:
Verifique se escreveu corretamente ou tente ampliar sua busca.

Tendências Agora

Rankings

Parece que você não está logado.
Clique no botão abaixo para fazer login e ver seu histórico recente.

Registration Strip Icon for charts Cadastre-se para gráficos em tempo real, ferramentas de análise e preços.

Momento Cripto (07/11/23): ORDI valoriza 72% após listagem na Binance, Ava Labs enxuga equipe, e mais

LinkedIn

Indícios de altseason e recuperação do mercado de criptoativos

O mercado de criptoativos começa a se reerguer após turbulências como as da FTX. Especialistas, como Fernando Pereira da Bitget, preveem um avanço, particularmente nas altcoins. “Um dos meus indicadores favoritos na hora de identificar uma altseason (momento do mercado em que as altcoins se valorizam mais que o BTC) é a dominância do mercado excluindo BTC e ETH, e nesse momento podemos ver o rompimento de uma linha tendência de baixa, dando a entender que uma altseason está prestes a começar!”, disse Pereira. No mercado atual, Solana (COIN:SOLUSD) sobressai com um salto de 78% em um mês, indicando um crescimento anual de 318%. Ainda assim, a insolvência da FTX influencia sua posição no mercado devido ao grande volume de SOL. Ativos como Dogelon (COIN:ELONUSD) e Pepe (COIN:PEPEUSD) ultrapassaram o desempenho do BTC, destacando-se com ganhos mensais de 39% e 53%, respectivamente. ChainLink (COIN:LINKUSD), Band Protocol, Tellor (COIN:TRBUSD) também demonstram retornos expressivos nos últimos 30 dias, reforçando o otimismo no setor.

Binance acrescentou novos pares de negociação com o token Ordinals (ORDI) e HashKey adiciona Chainlink (LINK)

A Binance incluiu o token Ordinals (COIN:ORDIUSD) para negociação com pares ORDI/BTC, ORDI/USDT e ORDI/TRY em 7 de novembro. As retiradas começam às 03h30 (horário de Brasília) do dia 8. Após o anúncio, ORDI valorizou 72%, atingindo US$ 12,64. Além disso, a HashKey, plataforma de negociação de criptoativos licenciada em Hong Kong, anunciou a inclusão do token LINK da Chainlink (COIN:LINKUSD) em sua lista de ativos digitais. A negociação do par LINK/USD será iniciada no dia 10 de novembro. A exchange já permitiu depósitos e saques do LINK. Contudo, a operação estará restrita a investidores profissionais, conforme o comunicado. A Chainlink havia lançado seu protocolo de interoperabilidade entre cadeias, o CCIP, em fase de “acesso antecipado” em julho, e em setembro, o protocolo foi ativado na Base, uma rede blockchain de camada 2 desenvolvida pela Coinbase (NASDAQ:COIN).

Queda drástica na oferta da stablecoin BUSD

A oferta da stablecoin BUSD da Binance (COIN:BUSDUSD) desabou mais de 90%, caindo para menos de 2 bilhões desde o pico de quase 23 bilhões em novembro de 2022, de acordo a CryptoSlate. Atualmente, a oferta está por volta de 1,88 bilhões. A queda é resultado de ações regulatórias e a comunidade cripto migrou para outras moedas estáveis. Diante dessa situação, a Binance está orientando os usuários para alternativas como o FDUSD (COIN:FDUSDUSDT), apesar de sua adoção ser limitada.

Elon Musk anuncia que suas empresas não lançarão criptomoedas

Elon Musk declarou no X que suas empresas, incluindo X, Tesla (NASDAQ:TSLA), SpaceX, Neuralink e xAI, não lançarão suas próprias criptomoedas, marcando uma mudança na atitude da indústria de tecnologia em relação à competição com o Bitcoin como moeda digital. Essa decisão é notável, considerando o interesse recente de X em serviços financeiros e especulações anteriores sobre a integração do Dogecoin (COIN:DOGEUSD).

Fraudes na BNB Smart Chain caem 75% no terceiro trimestre

Golpes na BNB Smart Chain registraram queda expressiva, de US$ 55,4 milhões para US$ 13,6 milhões entre o segundo e terceiro trimestres de 2023, redução de 75%. Esse declínio é creditado ao aumento da vigilância comunitária e melhor detecção de ameaças. Ainda assim, os puxões de tapete predominaram nas fraudes.

Custodia Bank lança serviço de custódia de Bitcoin para empresas

O banco favorável às criptomoedas, Custodia Bank, fundado por Caitlin Long, uma defensora do Bitcoin (COIN:BTCUSD), lançou sua plataforma de custódia de Bitcoin. O serviço visa empresas como fiduciários, consultores de investimentos, gestores de fundos e tesoureiros corporativos. A aprovação da Wyoming Division of Banking permitiu o lançamento do serviço após desafios regulatórios anteriores. A plataforma oferece contas de custódia segregada, simplificando operações e reduzindo riscos para os usuários. A Custodia Bank busca integrar serviços de custódia de Bitcoin e dólar americano em uma plataforma única.

Coinbase reforça conselho consultivo global com especialistas em segurança nacional

A Coinbase (NASDAQ:COIN) anunciou a inclusão de quatro especialistas em segurança nacional, incluindo o ex-Secretário de Defesa dos EUA Mark T. Esper, em seu Conselho Consultivo Global. Eles irão ajudar a examinar as consequências da incerteza regulatória nas criptomoedas nos EUA, incluindo impactos econômicos e de segurança nacional. Isso ocorre enquanto a Coinbase enfrenta desafios regulatórios nos EUA, incluindo uma disputa com a SEC. Além disso, a Coinbase foi bloqueada no Cazaquistão por violar as leis de criptomoedas que entraram em vigor este ano, confirmou o governo do país ao veículo de mídia local Kursiv. A lei de Ativos Digitais proíbe a emissão e circulação de “ativos digitais não garantidos”, juntamente com exchanges de ativos digitais que oferecem esses ativos fora do Astana International Financial Center. O governo alega que o Coinbase violou essa lei específica.

Bitget inova com carteira Web3 e serviços DeFi integrados

A Bitget inovou seu app com carteira e troca Web3, mesclando segurança CeFi e autonomia DeFi. O lançamento inclui serviços de DeFi acessíveis, como um agregador que garante preços vantajosos em swaps. Com a aquisição da BitKeep, agora Bitget Wallet, a plataforma amplia seu ecossistema de negociações e ativos digitais.

LG CNS investe em plataforma de blockchain QuickNode

A LG CNS, subsidiária de TI da empresa sul-coreana LG, formou uma parceria estratégica com a QuickNode, uma plataforma de blockchain, por um valor não revelado. A LG CNS desenvolve soluções de integração de sistemas e transformação digital, incluindo sua própria plataforma blockchain, Monachain, usada em indústrias tradicionais. A Coreia do Sul, com seu apoio governamental, é um campo de testes ideal para blockchain. Monachain tem mais de 50 clientes corporativos, incluindo bancos sul-coreanos e a LG U+.

Avail, solução modular de “disponibilidade de dados” para blockchain, oferece incentivos para validadores

Avail, uma solução de “disponibilidade de dados” modular para blockchain, concorrente da Celestia, lançará uma rede de teste com incentivos para validadores e operadores. A plataforma convida esses participantes a testar e operar, ajudando a aprimorar seu código e infraestrutura. Os “clientes leves,” que não precisam baixar toda a blockchain, são essenciais para aliviar a carga das redes principais, como Ethereum.

Nil Foundation anuncia própria rede rollup para Ethereum com sharding

A Nil Foundation, empresa de pesquisa e desenvolvimento do Ethereum, revelou sua própria rede rollup chamada “=nil;.” Esta será a primeira ZK rollup do Ethereum a possibilitar o sharding, combinando duas tecnologias populares de escalabilidade: zero-knowledge proofs e sharding. A combinação deve permitir a composabilidade sem comprometer a segurança da rede, usando proofs para validar transações nas shards antes de enviá-las à rede Ethereum principal. Misha Komarov, CEO e co-fundador da Nil Foundation, afirmou que estão buscando implementar o sharding de forma não invasiva.

Senador Ted Cruz aceita doações em Bitcoin para sua campanha

O senador Ted Cruz (R-TX) anunciou que aceitará doações em Bitcoin como parte de seus esforços de arrecadação de fundos de campanha. Cruz, otimista em relação ao Bitcoin (COIN:BTCUSD), afirmou que está orgulhoso de aceitar doações em criptomoedas e incluiu o logotipo do Bitcoin em seu site oficial para oferecer a opção aos apoiadores. Ele utiliza o BitPay, um processador de pagamentos em criptomoedas que permite doações em Bitcoin, Ethereum (COIN:ETHUSD), Bitcoin Cash (COIN:BCHUSD) e Litecoin (COIN:LTCUSD), com a opção de conversão instantânea para dólares.

Mantle e Ondo Finance lançam token de geração de renda USDY com ativos do mundo real

A Mantle e a Ondo Finance lançaram o token de geração de renda USDY, apoiado por ativos do mundo real, na rede Mantle. Diferente das stablecoins, o USDY é garantido por títulos do Tesouro dos EUA e depósitos bancários, oferecendo rendimentos acumulados aos detentores. A Ondo Finance também planeja emitir o mUSD, uma versão envolvida do USDY. Com o suporte de um grande tesouro, a Mantle busca tornar esses tokens altamente líquidos e acessíveis para diversos casos de uso em seu ecossistema, como garantias e pagamentos.

Ava Labs reduz equipe para enfrentar mercado desafiador

A Ava Labs, desenvolvedora da blockchain Avalanche (COIN:AVAXUSD), confirmou a demissão de 12% dos seus colaboradores para realocar recursos. Emin Gün Sirer, CEO da empresa, anunciou a decisão após relatos de demissões circularem na rede social X. A redução, focada em parte na equipe de marketing, visa potencializar o crescimento da empresa e do ecossistema Avalanche em meio a um mercado cripto desafiador, que viu cortes similares em outras grandes empresas do setor.

Blockpit adquire Accointing visando regulação fiscal da UE

A Blockpit, empresa austríaca de serviços fiscais para criptoativos, adquiriu a Accointing, sua concorrente, da Glassnode, reforçando sua posição para as futuras regulações fiscais da UE, a DAC8. A compra foi um negócio milionário, realizado integralmente em dinheiro, sem troca de ações. O CEO da Blockpit, Florian Wimmer, destacou que o financiamento veio de dívidas com acionistas. A aquisição antecipa as novas exigências fiscais da UE, previstas para serem implementadas até 2026.

VARA de Dubai estabelece prazo para licenciamento de criptoempresas

A Autoridade Reguladora de Ativos Virtuais (VARA) de Dubai impôs o prazo até 17 de novembro para que negócios cripto regularizem suas licenças. A medida exige que prestadores de serviços de ativos digitais formalizem suas operações e entrem em contato ativamente para evitar consequências regulatórias indesejadas. Caso contrário, mecanismos de fiscalização serão ativados. A reguladora já concedeu licenças iniciais para empresas conformes, reforçando o rigor e a segurança financeira na região.

StablR capta US$ 3,5 milhões para fortalecer stablecoin europeia

StablR, uma novata no mercado de stablecoins, arrecadou US$ 3,5 million para expandir sua stablecoin lastreada em euros. A rodada de investimentos contou com a participação de Deribit e outros, sem revelar a avaliação da empresa. Desde outubro, já foram cunhados mais de 10 milhões de tokens EurR, consolidando sua operação iniciada em agosto de 2022. A StablR busca inovar no setor com alta transparência e segurança de reservas.

Deixe um comentário

Ao acessar os serviços da ADVFN você estará de acordo com os Termos e Condições

Support: (11) 4950 5808 | suporte@advfn.com.br