ADVFN Logo ADVFN

Não encontramos resultados para:
Verifique se escreveu corretamente ou tente ampliar sua busca.

Tendências Agora

Rankings

Parece que você não está logado.
Clique no botão abaixo para fazer login e ver seu histórico recente.

Hot Features

Registration Strip Icon for default Cadastre-se gratuitamente para obter cotações em tempo real, gráficos interativos, fluxo de opções ao vivo e muito mais.

SWIFT inova em solução CBDC, SEC cobra multa bilionária da Ripple Labs, Tether investe em IA, e mais

LinkedIn

Bitcoin oscilou para mais de US$ 71.000 em antecipação ao halving

O Bitcoin (COIN:BTCUSD) escalou para mais de US$ 71.000 na manhã de terça-feira, marcando um pico semanal, à medida que nos aproximamos do aguardado halving da recompensa por bloco. Após atingir brevemente a marca de US$ 71.582,96, o preço recuou e estabilizou-se em torno de US$ 70.181,55 no momento da escrita. A valorização ocorre em meio a uma fase de recuperação da criptomoeda, após uma queda influenciada pela inflação e um incidente na BitMEX, além da expectativa crescente pelo halving de abril, que reduzirá as recompensas dos mineradores pela metade, potencialmente impactando a oferta e o preço do Bitcoin.

Recuperação nos ETFs de Bitcoin após queda

Na segunda-feira, os ETFs de Bitcoin listados na Nasdaq viram um influxo de US$ 15,4 milhões, quebrando uma sequência de cinco dias de retiradas, revelaram dados da Farside. O ETF da Fidelity (AMEX:FBTC) liderou com US$ 261,8 milhões, enquanto o da BlackRock (NASDAQ:IBIT) seguiu com US$ 35,5 milhões. Outros fundos como Bitwise (AMEX:BITB), Invesco Galaxy (AMEX:BTCO), Franklin (AMEX:EZBC) e Valkyrie (NASDAQ:BRRR) registraram entradas entre US$ 11 milhões e US$ 20 milhões cada. Contrastando, o ETF da Grayscale (AMEX:GBTC) enfrentou saídas de US$ 350 milhões. Na semana anterior, os ETFs registraram uma saída acumulada de US$ 887,6 milhões.

BlackRock adverte: crescimento explosivo do Bitcoin pode diminuir

Segundo a BlackRock (NYSE:BLK), a era de ganhos astronômicos do Bitcoin (COIN:BTCUSD) pode estar se encerrando à medida que a criptomoeda amadurece e se institucionaliza, especialmente com a introdução de ETFs. Robert Mitchnick, da BlackRock, sinaliza que, apesar das perspectivas de crescimento permanecerem, o ritmo frenético de valorização anterior é insustentável. Ele também prevê uma diminuição na volatilidade do Bitcoin, atribuindo isso à maior eficiência na descoberta de preços trazida pelos investidores institucionais e ETFs, alterando potencialmente os ciclos de mercado característicos do Bitcoin.

Hong Kong se prepara para ETFs de Bitcoin com resgates em espécie

A Comissão de Valores Mobiliários e Futuros de Hong Kong está prestes a permitir ETFs de bitcoin à vista com opções de resgates em espécie no segundo trimestre, de acordo com um estudo da Bloomberg Intelligence. Esse movimento, ainda inédito, promete diferenciar os ETFs de Hong Kong dos seus equivalentes americanos, oferecendo vantagens fiscais e de liquidez. Com o mercado asiático de criptoativos superando o americano em volume, essa inovação poderia atrair significativos novos investimentos para o setor.

APT atinge pico histórico com novas inovações

O token nativo da Aptos (COIN:APTUSD) valorizou para um pico inédito alcançando o valor de US$ 19,26. Esse avanço ocorreu após a Aptos Labs, focada em desenvolvimento blockchain, lançar várias iniciativas inovadoras, incluindo uma nova metodologia de assinatura de transações sem senhas e uma colaboração com o Google Cloud (NASDAQ:GOOGL) para enriquecer jogos com tecnologia Web3. Além disso, o blockchain Aptos liberou recentemente 24,8 milhões de tokens APT, ampliando seu impacto no mercado.

WAX e AWS formam aliança estratégica para jogos blockchain

A plataforma de blockchain WAX, voltada para o universo dos jogos e classificada entre as mais ativas, firmou parceria com a Amazon Web Services (NASDAQ:AMZN) para incorporar sua rede ao Amazon Managed Blockchain. Essa colaboração visa facilitar o desenvolvimento de aplicativos descentralizados por meio da simplificação da implantação de nós no blockchain WAX através do console da AWS. Após o anúncio, o valor do token WAX registrou um aumento expressivo, destacando o potencial desta união para impulsionar a adoção da Web3 no setor de jogos.

SEC exige multa bilionária da Ripple Labs

Em ação legal, a SEC solicita que a Ripple Labs (COIN:XRPUSD) seja multada em quase US$ 2 bilhões por supostas violações das leis de valores mobiliários nos EUA. A SEC propõe uma penalidade total de US$ 1,95 bilhões, desmembrando a quantia em US$ 876 milhões de restituição, US$ 198 milhões em juros pré-julgamento e mais US$ 876 milhões como multa civil. O caso, iniciado em dezembro de 2020, foca na venda de XRP pela Ripple, com a empresa e seu conselho legal preparando uma resposta para o próximo mês, após uma decisão parcial a favor da Ripple em julho passado sobre as vendas de XRP.

KuCoin e fundadores enfrentam acusações do Departamento de Justiça dos EUA

O Departamento de Justiça dos EUA acusou a exchange de criptomoedas KuCoin e seus fundadores, Chun Gan e Ke Tang, de descumprir as normas de combate à lavagem de dinheiro. As alegações incluem operar um negócio de transmissão de dinheiro sem licença e falhar no cumprimento da Lei de Sigilo Bancário. A acusação destaca que a KuCoin, ao contrário de suas alegações, serviu a uma ampla base de clientes nos EUA e teria facilitado a lavagem de mais de US$ 9 bilhões, negligenciando os controles de identidade de clientes e a notificação de transações suspeitas.

Galaxy Digital vira o jogo com lucro anual de US$ 296 milhões em 2023

A Galaxy Digital (TSX:GLXY) registrou um lucro líquido de US$ 296 milhões em 2023, contrastando com a perda de US$ 1 bilhão do ano anterior, evidenciando uma recuperação no setor cripto. O desempenho positivo inclui um lucro de US$ 302 milhões no último trimestre, revertendo perdas anteriores. Além disso, os ativos sob gestão cresceram de US$ 1,7 bilhões para impressionantes US$ 10,1 bilhões até fevereiro de 2024, refletindo um aumento substancial na confiança e nos investimentos na empresa.

Bakkt reduz perdas em 2023 com crescimento em receita

Bakkt (NYSE:BKKT), empresa de criptomoedas da NYSE, fechou 2023 com US$ 780 milhões em receitas e um prejuízo de US$ 226 milhões, melhorando 89% em relação ao ano anterior. A aquisição da Bakkt Crypto contribuiu para o aumento das receitas, enquanto as despesas refletem investimentos em cripto e aquisições. Apesar de um declínio no volume negociado, a Bakkt projeta um salto de 555% na receita para 2024, acompanhado por um crescimento equivalente em custos.

Arkon Energy almeja listagem na Euronext Amsterdam após fusão

Arkon Energy, uma companhia americana especializada em infraestrutura de data center e mineração, busca ingressar na bolsa Euronext Amsterdam através da união com a BM3EAC Corp., sediada nas Ilhas Cayman. Um acordo de exclusividade de 90 dias foi estabelecido em 21 de fevereiro para finalizar os termos da fusão. Se bem-sucedida, a Arkon, localizada em Hannibal, Ohio, seria pioneira em sua área na Euronext, ampliando sua capacidade operacional para 307 MW com planos de expansão nos EUA.

Bolsa de Londres anuncia mercado de ETNs de cripto para maio

A Bolsa de Valores de Londres introduzirá um mercado para ETNs (Notas Negociadas em Bolsa) de Bitcoin (COIN:BTCUSD) e Ethereum (COIN:ETHUSD) no dia 28 de maio, abrindo as portas para pedidos a partir de 8 de abril, pendente da aprovação da Autoridade de Conduta Financeira do Reino Unido. Destinados a investidores profissionais, os ETNs são projetados para replicar o desempenho de índices ou referências específicas, funcionando como títulos de dívida.

SWIFT avança com solução inovadora para CBDCs

Após um teste de seis meses, a SWIFT revelou múltiplos usos para sua solução pioneira de CBDC, que não é um CBDC por si só, mas um conector para facilitar interações entre CBDCs existentes. Essencialmente, a solução emprega DLT e contratos inteligentes para garantir transações confiáveis, com aplicações potenciais em comércio digital, valores mobiliários e mais. Este teste significativo envolveu 38 instituições e mais de 750 transações, marcando-o como um dos maiores experimentos CBDC até hoje.

Tether investe em inteligência artificial com nova unidade e recrutamento

A Tether (COIN:USDTUSD), conhecida pela sua liderança no mercado de stablecoins, está avançando para o campo da inteligência artificial ao criar uma divisão dedicada ao desenvolvimento de modelos de IA de código aberto. Com o objetivo de aplicar esses modelos a soluções práticas, a Tether está recrutando especialistas, incluindo um chefe de pesquisa e um engenheiro de IA. Este movimento amplia a incursão da Tether na IA, seguindo um investimento anterior na Northern Data, e visa promover a tecnologia de IA que respeita a privacidade.

Angle lança stablecoin com rendimento baseado em ativos reais

A Angle introduziu na terça-feira o USDA, seu novo stablecoin vinculado ao dólar, destacando-se por oferecer rendimentos de seus ativos de apoio reais e operações de empréstimo DeFi. Sustentado por títulos do Tesouro dos EUA e letras tokenizadas, o USDA proporciona aos seus usuários a possibilidade de ganhar recompensas ao aplicar seus tokens no protocolo. A Angle busca, com isso, atrair investidores em um mercado de stablecoins em crescimento, diferenciando-se ao repassar os lucros de seus ativos de garantia, ao contrário de outros como USDT e USDC. A empresa também planeja criar um ecossistema de troca de moedas via blockchain, prometendo conversões sem custos entre euro e dólar.

El Salvador eleva reservas de Bitcoin sob gestão de Bukele

El Salvador, pioneiro na adoção oficial do Bitcoin desde 2021, incrementou seu estoque da criptomoeda para 5.700 BTC, conforme anunciado pelo presidente Nayib Bukele. Este aumento, de aproximadamente 10 bitcoins desde meados de março, valoriza as reservas do país em mais de US$ 400 milhões, considerando a cotação atual do Bitcoin (COIN:BTCUSD) acima dos US$ 70.000. Bukele também revelou que as reservas nacionais de Bitcoin foram movidas para armazenamento seguro, destacando o compromisso de El Salvador em fortalecer sua posição no ecossistema cripto e atrair investimentos estrangeiros com políticas favoráveis.

Transformação energética na Argentina: de gás residual a Bitcoin

Na região vinícola de Mendoza, Argentina, Brent Whitehead e Matt Lohstroh, empreendedores do Texas, estão revolucionando o uso de energia residencial. Segundo uma reportagem do CNBC, eles aproveitam o gás excedente dos campos petrolíferos na segunda maior reserva de gás de xisto do mundo, Vaca Muerta, e convertem este recurso até então desperdiçado em eletricidade para alimentar intensivas operações de mineração de Bitcoin. Este método não apenas capitaliza sobre a crescente valorização do Bitcoin (COIN:BTCUSD), mas também oferece uma solução sustentável, cortando significativamente as emissões de CO2 pela reutilização do gás natural que seria queimado.

Nissan acelera rumo ao futuro digital

A Nissan (USOTC:NSANY), gigante da indústria automobilística, está avançando para a era digital com sua incursão no Metaverso, evidenciada pela solicitação de quatro patentes relacionadas à Web3 nos EUA. Essa movimentação sinaliza a entrada da Nissan em um território digital inovador, abrangendo desde realidade virtual e NFTs até a tecnologia blockchain, abrindo caminho para lojas virtuais e mercados NFT. Com uma visão futurista, a Nissan não só reforça seu pioneirismo na adaptação às tendências digitais, mas também estabelece um novo padrão para o marketing automotivo no espaço virtual.

0G Labs arrecada US$ 35 milhões para blockchain de IA

0G Labs, especialista em blockchain modular para aplicações de inteligência artificial descentralizadas, captou US$ 35 milhões em investimentos iniciais. Com apoio de notáveis investidores como Hack VC e Animoca Brands, a empresa busca formar uma base de acionistas diversificada. Este financiamento pré-semente, estruturado como um acordo de ações futuras com garantias simbólicas, impulsionará o desenvolvimento de um sistema modular que aprimora a acessibilidade e a gestão de dados em blockchain, prometendo revolucionar o campo com alta velocidade e custos reduzidos. A 0G Labs planeja lançar sua rede de teste em breve, com a mainnet prevista para julho, destacando-se em um cenário crescente de blockchain modular.

Gunzilla Games capta US$ 30 milhões para novo jogo Battle Royale

Gunzilla Games, criadora do aguardado “Off the Grid”, garantiu US$ 30 milhões em financiamento liderado pela CoinFund e pelo Blizzard Fund da Avalanche. O jogo, um Battle Royale gratuito, será lançado para PlayStation, Xbox e PC, destacando-se por permitir propriedade total de ativos in-game e uma economia movida pelos jogadores. A empresa planeja elevar a experiência dos jogos AAA com a incorporação de tecnologia blockchain, prometendo uma jogabilidade envolvente e uma economia de jogo descentralizada.

OrdinalsBot capta US$ 3 milhões para impulsionar ecossistema Bitcoin

OrdinalsBot, uma plataforma chave no ecossistema Bitcoin, anunciou a captação de mais de US$ 3 milhões em investimentos iniciais para expandir suas operações e inovações. Liderada pela DACM e com apoio de entidades como Eden Block e Nural Capital, a rodada eleva o financiamento total para US$ 4,5 milhões. A empresa, que se destacou após o sucesso do protocolo Ordinals, visa fortalecer sua equipe e desenvolver novas soluções para usuários e desenvolvedores no mundo Bitcoin, prometendo ampliar as funcionalidades e o alcance de suas ofertas no setor.

Deixe um comentário