A Energisa anunciou que está trabalhando em documentação para uma “possível realização” de oferta pública primária de ações ordinárias e preferenciais, follow on, mirando uma captação de cerca de R$ 2 bilhões.

A empresa de energia afirmou que o acionista controlador, Gipar, já manifestou intenção de acompanhar o aumento de capital na proporção de sua participação na companhia, de 27,7%.

A companhia afirmou em fato relevante ao mercado que contratou Itaú BBA, BofA, Bradesco BBI, BTG Pactual, Citi, JPMorgan, Santander e Scotiabank para assessorarem a operação.

A empresa espera lançar a “potencial oferta” após o encerramento do pregão de sexta-feira.

Porém, afirmou que “até o momento não há definição a respeito do efetivo lançamento” da oferta.

A destinação dos recursos da potencial oferta não foi informada no fato relevante.

Units da Energisa são destaque de queda do Ibovespa, em meio a rumores de follow-on

As units da Energisa são destaque de queda do Ibovespa nesta quinta-feira (18), com queda às 13h33 (horário de Brasília) de 4,54%, a R$ 5,41, em meio a rumores de follow-on.

De acordo com o Valor Econômico, a Energisa (BOV:ENGI11) está preparando uma oferta subsequente de ações (follow-on) de cerca de R$ 2 bilhões que pode ser lançada ainda nesta quinta-feira.

Segundo o veículo, a operação, que seria a primeira do tipo em 2024, está sendo coordenada pelos bancos Itaú BBA, Bradesco BBI, Bank of America, Citi, JP Morgan, BTG Pactual, Santander e Scotiabank.

Informações Infomoney
ENERGISA (BOV:ENGI11)
Gráfico Histórico do Ativo
De Mar 2024 até Abr 2024 Click aqui para mais gráficos ENERGISA.
ENERGISA (BOV:ENGI11)
Gráfico Histórico do Ativo
De Abr 2023 até Abr 2024 Click aqui para mais gráficos ENERGISA.