A Associação Nacional dos Petroleiros Acionistas Minoritários da Petrobras (Anapetro) informou que protocolou denúncia na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) contra Marcelo Gasparino por conta de indícios de ocorrência de conflitos de interesse no Conselho de Administração da Petrobras.

A Advocacia Garcez, que representa a Anapetro, ressaltou que Marcelo Gasparino está atualmente como conselheiro de quatro conselhos de administração (Petrobras, Eletrobras, Vale e Banco do Brasil). Porém, a sua atuação tem colocado em risco a administração da Petrobras (BOV:PETR3) (BOV:PETR4), devido à ocorrência rotineira de declarações que afetam os interesses da companhia, bem como suas intenções no desenvolvimento de novos negócios, violando regulamentos internos e também a Lei das S.A.

“Eletrobras e a Petrobras são possíveis concorrentes no mercado de energia eólica onshore e offshore, e a permanência de Gasparino no conselho das duas empresas compromete as responsabilidades e deveres do conselheiro. Devido à sua posição na empresa, Gasparino tem acesso a informações cruciais que influenciam diretamente o sucesso e a lucratividade da Petrobras. Infelizmente, essa posição privilegiada também pode criar oportunidades conflitantes com os interesses da
Petrobras, uma vez que o Conselheiro também desempenha a mesma função na Eletrobras, interferindo no desempenho da evolução na Petrobras na indústria de energia eólica e também na sua reputação perante o mercado”, explicou a nota da Advocacia Garcez reproduzida no site da Anapetro.

O comunicado ressaltou ainda que conselheiros e diretores devem ter reputação ilibada e não podem ser eleitos aqueles que ocuparem cargos em sociedade que podem ser consideradas concorrentes ou os candidatos que tiverem interesses conflitantes com os da companhia, salvo se de conhecimento e dispensa da assembleia geral.

Na perspectiva da Anapetroé grave a situação, em que a governança corporativa da companhia esteja ameaçada pelas falas e condutas irresponsáveis do Conselheiro Marcelo Gasparino. Portanto, a Anapetro requereu a investigação pela CVM e as devidas responsabilizações perante aos possíveis atos ilegais.

Informações Grupo CMA
PETROBRAS PN (BOV:PETR4)
Gráfico Histórico do Ativo
De Abr 2024 até Mai 2024 Click aqui para mais gráficos PETROBRAS PN.
PETROBRAS PN (BOV:PETR4)
Gráfico Histórico do Ativo
De Mai 2023 até Mai 2024 Click aqui para mais gráficos PETROBRAS PN.