O que dói mais?

No campo da psicologia econômica tenta-se agregar o conhecimento dos fatores emocionais e cognitivos nas decisões econômicas, tanto individuais, quanto no impacto que representam para toda a sociedade.

Em 1979, Daniel Kahneman e Amos Tversky introduziram um estudo psicológico, chamado Prospect Theory, que buscou estudar como o ser humano faz as suas decisões quando está envolvido com situações de risco econômico. Esse trabalho mostrou que decidimos principalmente baseados em fatores psicológicos, emocionais, e não simplesmente matemáticos. Estes autores discutiram um conceito universalmente aceito: ganhos trazem alegria e perdas trazem dor.

Kahneman mostrou que podemos ter percepções diferentes sobre situações exatamente iguais. 

Qual é a diferença entre ganhar R$ 500,00 ou ganhar R$ 1.000,00 e depois perder R$ 500,00? Matematicamente, o resultado é o mesmo. Mas, de acordo com Kahneman, as perdas têm maior impacto emocional do que uma quantia equivalente de ganhos. Nos sentiremos diferentes na primeira situação em relação à segunda. 

Na primeira situação, nós ganhamos. Mas, na segunda situação, ganhamos e depois perdemos. Então, a nossa forma de sentir, nossa percepção acerca de um mesmo resultado é diferente. 

Entretanto, o ponto surpreendente da teoria de Kahneman e Tversky é que a dor da perda pode ser duas vezes maior do que a alegria associada com os ganhos. O impacto dessa teoria no mundo financeiro foi tão significativo que deu a Kahneman, doutor em Psicologia, o Prêmio Nobel de Economia, em 2002.

Seu Histórico Recente
BOV
VALE5
Vale PNA
BOV
IBOV
iBovespa
BOV
PETR4
Petrobras
BOV
IGBR3
IGB SA
FX
USDBRL
Dólar EUA ..
Ações já vistas aparecerão nesta caixa, facilitando a volta para cotações pesquisadas anteriormente.

Registre-se agora para criar sua própria lista de ações customizada.

Ao acessar os serviços da ADVFN você estará de acordo com os Termos e Condições

P: V:br D:20191206 08:12:12