Semanário Bovespa: Ibovespa sobe 5,84% na décima quinta semana de 2016

LinkedIn

A semana que antecede a votação do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff na Câmara dos Deputados registrou mais um movimento de forte alta do principal índice de ações do Brasil. Após quinze semanas, essa foi a décima valorização semanal registrada pelo Ibovespa. A alta desta semana pode ser atribuída, principalmente, à forte expectativa dos investidores pela saída de Dilma Rousseff do maior cargo executivo da República. Há quase um consenso no mercado financeiro brasileiro de que o governo atual não possui mais condições técnicas e morais para continuar no poder.

Em 2016, após setenta e um pregões, o Ibovespa acumula uma valorização de 22,79%. No ultimo pregão de 2015, o principal índice acionário do país fechara cotado 43.349,96 em pontos. São trinta e oito pregões de alta contra trinta e três de baixa ao longo do ano.

Em abril, após onze pregões, o índice de ações acumula uma alta de 6,34%. Até o momento, foram realizados sete pregões de alta contra quatro de baixa ao longo do quarto mês do ano. No pregão do dia 31 de março, o indicador encerrara o dia cotado em 50.055,27 pontos.

 

Variação diária do Ibovespa na décima quinta semana de 2016

Data Cotação Variação Variação % Mínimo Máximo Volume
15/04/16 53.227,74 816,72 1,56% 52.414,24 53.390,41 5.203.865
14/04/16 52.411,02 -738,82 -1,39% 52.242,23 53.699,35 5.662.029
13/04/16 53.149,84 1.147,98 2,21% 52.009,52 53.843,74 6.573.703
12/04/16 52.001,86 1.836,39 3,66% 50.166,46 52.327,21 5.306.134
11/04/16 50.165,48 -127,45 -0,25% 50.078,23 51.088,89 4.175.993

 

Fechamento do Ibovespa na segunda-feira, 11 de Abril de 2016

O principal índice de ações da BM&FBovespa operou em alta durante a maior parte desta segunda-feira, chegando a subir mais de um por cento durante a manhã. No entanto, o movimento de alta foi invertido no final do dia, com o indicador fechando em leve queda no encerramento do pregão. Com isso, o Ibovespa interrompe uma sequência de duas altas consecutiva. Os investidores passaram o dia acompanhando com bastante atenção o processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff. O quadro externo positivo também pautou os investidores. O noticiário corporativo doméstico também entrou no radar dos investidores com o anúncio no final da última sexta-feira de que a BM&FBovespa assumirá o controle da Cetip, em um negócio de quase R$ 12 bilhões.

Em dia de correção, Ibovespa fecha pouco abaixo da estabilidade nesta segunda-feira

 

Fechamento do Ibovespa na terça-feira, 12 de Abril de 2016

Após mais um dia quente no cenário político brasileiro, com novos desdobramentos da aprovação do processo do impeachment da presidente Dilma Rousseff na comissão especial da Câmara dos Deputados, além da deflagração de nova fase da Operação Lava Jato, que culminou com a prisão do ex-senador Gim Argello, o principal índice de ações da Bolsa de Valores de São Paulo voltou a disparar, atingindo seu maior valor de fechamento em quase nove meses. Foi a maior pontuação do Ibovespa desde 17 de julho do ano passado, quando o indicador terminou o dia cotado em 52.341,80 pontos.

Ibovespa volta a disparar nesta terça-feira, com processo de impeachment e nova fase da Lava Jato no radar dos investidores

 

Fechamento do Ibovespa na quarta-feira, 13 de Abril de 2016

O Ibovespa voltou a subir forte nesta quarta-feira, registrando a maior cotação do ano e dos últimos nove meses. A nova valorização do principal índice acionário brasileiro ocorre após mais dois partidos políticos terem deixado a base aliada do governo na noite anterior, o que aumenta as chances de aprovação do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff, que será votado no próximo domingo pela Câmara dos Deputados. Os destaques de alta desta sessão foram das ações da Vale e da Petrobras, que subiram mais de quarto por cento, e dos bancos, com ganhos na faixa de um por cento. As siderúrgicas dispararam e ficaram entre as maiores altas do Ibovespa.

Ibovespa sobe forte pelo segundo dia consecutivo e renova máxima dos últimos nove meses

 

Fechamento do Ibovespa na quinta-feira, 14 de Abril de 2016

O principal índice de ações da Bolsa de Valores de São Paulo encerrou em baixa o pregão desta quinta-feira, com muitos investidores realizando os lucros obtidos nos dois pregões anteriores, marcados por fortes altas. Além disso, a temperatura manteve-se bastante quente no cenário político brasileiro, com mais partidos definindo posição favorável ao impeachment da presidente Dilma Rousseff e com o governo tentando barrar a votação do impedimento da presidente através do Supremo Tribunal Federal (STF). A baixa do dia foi puxada, principalmente, pelo desempenho negativo das ações da mineradora Vale, que despencou sete por dento, da Petrobras, que caiu mais de três por cento, e dos bancos. Essas empresas têm grande peso sobre o Ibovespa. As siderúrgicas, que haviam subido forte na véspera, despencaram mais de dez por cento.

Ibovespa fecha em baixa nesta quinta-feira, dia dos investidores realizarem os lucros das últimas duas sessões e do governo tentar barrar o impeachment no STF

 

Fechamento do Ibovespa na sexta-feira, 15 de Abril de 2016

No último pregão antes da votação do impeachment da presidente Dilma Rousseff pela Câmara dos Deputados, a cotação do principal índice de ações da bolsa de valores brasileira voltou a subir consistentemente. A alta desta sexta-feira reflete a forte expectativa dos investidores pela aprovação do pedido de impeachment da presidente. Isso pressionou o preço das ações para cima para cima. A alta do Ibovespa nesta sessão foi puxada, principalmente, pelo desempenho positivo das ações da Petrobras, que subiram mais de cinco por cento, além da mineradora Vale e do Banco do Brasil. Essas empresas têm grande peso sobre o Ibovespa.

Ibovespa volta a subir forte no último pregão antes da votação do impeachment da presidente Dilma Rousseff

Deixe um comentário

Seu Histórico Recente
BOV
VALE5
Vale PNA
BOV
IBOV
iBovespa
BOV
PETR4
Petrobras
BOV
IGBR3
IGB SA
FX
USDBRL
Dólar EUA ..
Ações já vistas aparecerão nesta caixa, facilitando a volta para cotações pesquisadas anteriormente.

Registre-se agora para criar sua própria lista de ações customizada.

Faça o login em ADVFN
Registrar agora

Ao acessar os serviços da ADVFN você estará de acordo com os Termos e Condições

Support: (11) 4950 5808 | suporte@advfn.com.br

V: D: 20230608 11:41:50