Dollar Week: moeda desvaloriza 0,80%

LinkedIn

O Dólar desvalorizou 0,80% nesta semana. As incertezas sobre a Reforma da Previdência deixaram o mercado instável esta semana. Apesar do governo estar se articulando para conseguir aprovar a medida ainda este ano, os políticos já admitem que uma versão mais enxuta possui mais chances do que o texto original, mesmo essa ainda não sendo uma escolha agradável para parlamentares que temem que a pauta polêmica os prejudique nas eleições de 2018. Além disso, os atritos internos do PSDB enfraquecem ainda mais a base de apoio ao governo, uma vez que os membros do partido não entram em um acordo sobre continuar ou não como aliados de Temer. Já no cenário internacional, nos Estados Unidos, os senadores republicando estão tentando adiar para 2019 a implementação do corte de impostos corporativos, quando a Câmara americana pretendia que a medida fosse aplicada já no ano que vem.

Ontem, a moeda teve alta de 0,63%, cotada a R$ 3,2785 para compra e R$ 3,2805 para venda.

Após 7 pregões do mês, a moeda valorizou 1,13%. Já se foram três fechamento positivo, contra quatro negativos. No último pregão de outubro, o dólar fechou cotado a R$ 3,2430 para compra e R$ 3,2438 para venda.

Em 2017, após 214 pregões, o dólar apresenta uma valorização de 0,95%. São 102 pregões de alta contra 112 de baixa. Em 2016, a divisa dos Estados Unidos fechou cotada a R$ 3,2492 para compra e a R$ 3,2497 para venda.

Resumo da Semana

A semana começou (06) com a moeda desvalorizando 1,45%, cotada a R$ 3,2580 para compra e R$ 3,2590 para venda. No dia seguinte, houve uma alta de 0,55%, com cotação de R$ 3,2763 para compra e R$ 3,2770 para venda.

Na quarta-feira (8), a moeda caiu 0,40%, cotada a R$ 3,2632 para compra e R$ 3,2639 para venda. A queda continuou no dia seguinte, com uma desvalorização de 0,12% e cotação de R$ 3,2589 para compra e R$ 3,2599 para venda.

Ontem, a moeda teve alta de 0,63%, cotado a R$ 3,2785 para compra e R$ 3,2805 para venda.

Deixe um comentário