Semanário Bovespa: índice valoriza 3,28% em semana de recordes

LinkedIn

Ibovespa valorizou 3,28% nesta semana, quand renovou quatro vezes o patamar de fechamento recorde. Os indicadores econômicos, IPCA-15 e IBC-Br, reforçam a expectativa de crescimento econômico para o país este ano. Por outro lado, o governo desistiu oficialmente da aprovação da Reforma da Previdência, agora que a Intervenção Federal no Rio de Janeiro impede constitucionalmente alterações na Carta Magna. Para controlar a questão fiscal, foi anunciado o envio de um pacote de medidas econômicas ao Congresso Nacional para ser discutido. Além disso, por causa do adiamento da Reforma e do déficit do país, a agência classificadora de risco Fitch rebaixou a nota soberano do Brasil de “BB” para “BB-“.

Ontem, o indicador subiu 0,7%, cotado a 87.293,24 pontos.

Após 15 pregões em fevereiro, o índice valorizou 2,80%. Já se foram 10 fechamentos positivos contra 5 negativos. Em janeiro, o indicador fechou com 84.912,70 pontos.

Já no comparativo com 2017, após 36 pregões, o Ibovespa subiu 14,25%. Já foram 24 fechamentos positivos contra 12 negativos. Ano passado, o índice fechou com 76.402,08 pontos.

Resumo da Semana

Na segunda-feira (19), o Ibovespa indicador subiu 0,32%, cotado a 84.792,71 pontos. No dia seguinte, teve alta de 1,19%, fechando a 85.803,95 pontos.

No meio da semana, o indicador subiu 0,29%, cotado a 86.051,82 pontos. Na quinta-feira, ele valorizou 0,74%, cotado a 86.686,45 pontos

Ontem, o índice subiu 0,7%, cotado a 87.293,24 pontos.

Deixe um comentário