Bom dia, Investidor! 03 de janeiro de 2020

LinkedIn

Esse é o Bom dia, Investidor! Com tudo o que você precisa saber antes da Bolsa abrir!

Destaques corporativos

Petrobras (BOV:PETR3)(BOV:PETR4): De acordo com a coluna do Broad, do Estadão, o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) deve se desfazer de sua fatia de 10% das ações ordinárias (com direito a voto) na Petrobras, por meio de uma oferta subsequente (follow on) no dia 04 de fevereiro.

Carrefour Brasil (BOV:CRFB3): O Carrefour Brasil comunicou ontem à CVM que sua subsidiária Atacadão, que atua no comércio atacadista, fez um empréstimo de 325 milhões de Euros (R$ 1,46 bilhão) na financeira Carrefour Finance S.A., com sede na Bélgica. Segundo o Carrefour Brasil, o empréstimo ao Atacadão é destinado a “finalidades corporativas gerais”.

Banco Pine (BOV:PINE4): O Banco Pine comunicou ontem aos seus acionistas que o Banco Central aprovou o aumento do capital social da instituição. O Pine é um banco regional voltado ao atendimento de empresas e tem o capital aberto na B3 desde 2007. Segundo o Pine, o capital social da empresa passará a ser de R$ 1,2 bilhão, dividido em 148,157 milhões de ações.

Cyrela (BOV:CYRE3): A incorporadora imobiliária e construtora Cyrela informou ontem ao mercado que o Itaú Unibanco reduziu sua participação na empresa para menos de 5% das ações ordinárias. Em setembro do ano passado, o Itaú Unibanco havia ultrapassado os 5% das ações ordinárias.

Recomendação de ativos

Log-In (LOGN3): O Banco Safra iniciou a cobertura das ações da Log-In com recomendação outperform (acima da média do mercado) e preço-alvo de R$ 30.

Tecnisa (TCSA3): Os analistas do BTG Pactual reiteraram a recomendação de compra para o papel da Tecnisa, com alvo em R$ 2,00.

Bradesco (BBDC4): A equipe do UBS reafirmou sua recomendação de compra para os papéis do Bradesco, com preço-alvo de R$ 45 para os próximos 12 meses.

Dólar

O dólar opera em firme alta nesta sexta-feira (3), sendo negociado acima de R$ 4,06, em dia de tensão nos mercados internacionais após o ataque aéreo dos Estados Unidos que matou em Bagdá um dos principais chefes militares do Irã. Às 9h40, a moeda norte-americana subia 0,96%, a R$ 4,0619. Na máxima até o momento, chegou a R$ 4,0694. Na véspera, o dólar fechou em alta de 0,33%, cotada a R$ 4,0232, após ter acumulado em 2018 uma alta de 3,5%.

Commodities

Minério de ferro: A jornada desta sexta-feira foi marcada por uma nova valorização nos preços dos contratos futuros do minério de ferro, que são transacionados na bolsa de mercadorias da cidade chinesa de Dalian. O ativo como o maior volume de negócios, com vencimento para maio deste ano, somou 1,60% a 666,00 iuanes por tonelada.

Petróleo: Os Futuros do Petróleo subiram durante a sessão asiática. Na bolsa mercantil de Nova York, os contratos futuros do petróleo, com vencimento em fevereiro, foram negociados na entrega a US$ 62,84 por barril no momento da escrita, avançando 2,71%.

Ouro: Os contratos futuros do Ouro subiram durante a sessão asiática. Na divisão Comex da Bolsa Mercantil de Nova York, os contratos de referência do Ouro, com vencimento em Fevereiro, encerraram a jornada a US$ 1.543,25 por onça troy, avançando 0,99%.

Agenda econômica

■ Indicadores Internacionais

  • EUA – PMI ISM industrial mensal (dezembro)
  • EUA – Indice ISM de Emprego no Setor Manufatureiro (dezembro)
  • EUA – Variação de estoques de petróleo EIA
  • EUA – Contagem de sondas Baker Hughes 
  • Alemanha – Taxa de desemprego mensal (dezembro)
  • Alemanha – Indice de preços ao consumidor mensal (dezembro)
  • Reino Unido – PMI de construção mensal (dezembro)

Termômetro B3

DESTAQUES VAR %  FECHAMENTO (R$)
QUAL3  +0,28% R$ 39,20
ABEV3  +0,00% R$ 19,20
AZUL4  +0,00% R$ 58,80
MRVE3 -2,16% R$ 21,72
PCAR4 -2,31% R$ 87,77
ENBR3 -1,78% R$ 21,52

Deixe um comentário