Tupy (TUPY3): prejuízo de R$ 76,21 milhões em 2020, revertendo lucro de 2019

LinkedIn

A Tupy, que fabrica cabeçotes e blocos de motores, reverteu lucro de 2019 e apresentou prejuízo de R$ 76,21 milhões em 2020. Segundo a empresa, a perda se deve, principalmente, à queda da demanda de abril e maio de 2020, quando a pandemia teve um impacto maior.

Os resultados da Tupy (BOV:TUPY3) referentes suas operações do quarto trimestre de 2020 foram divulgados no dia 04/03/2021. Confira o Press Release completo!

⇒ Confira a agenda completa da divulgação dos resultados do 4T20 e referente ao ano de 2020. Confira a cobertura completa de todos os balanços referente ao ano de 2020 das empresas negociadas na B3.

Em todo ano, a companhia faturou R$ 4,25 bilhões, valor que ficou 17,5% inferior ao apurado no exercício anterior.

No ano, o Ebitda da companhia foi de R$ 566,95 milhões, um recuo de 16,9% no comparativo com 2019.

4T20

A Tupy apresentou lucro líquido de R$ 86 milhões no quarto trimestre. Isso representou um crescimento de 18,7% no comparativo com igual período do ano anterior.

A receita líquida da fabricante no último trimestre atingiu R$ 1,26 bilhão, alta de 11,6% em relação ao mesmo período de 2019.

O Ebtida – lucro antes juros, impostos, depreciações e amortizações – também apresentou evolução no último trimestre. A geração de caixa passou de R$ 193,88 milhões em 2019 para R$ 224,69 milhões, aumento de 15,9%. O Ebitda ficou em R$ 566,95 milhões, um recuo de 16,9%.

As vendas totais da companhia, considerando o mercado interno e exportações, somaram 111,67 mil toneladas no quarto trimestre, uma queda de 5,8% no comparativo com o mesmo período de 2019. No mercado interno, a companhia entregou 23,4 mil toneladas, um volume 16,1% maior que no quarto trimestre de 2019.

A Tupy exportou, no ano passado, 318,62 mil toneladas e 88,27 mil toneladas, no último trimestre. Recuos de 29,6% e 9,4%, respectivamente.

“O pacote americano de estímulos à economia, de US$ 1,9 trilhão, vai ativar o consumo nos EUA e, com isso, as vendas de equipamentos. Isso deve ter continuidade em 2021 e nos próximos anos. Por isso estamos religando equipamentos para aproveitar a oportunidade”, ressaltou o executivo.

Segundo ele, a Tupy para se adequar à demanda no auge da pandemia teve que diminuir a produção em suas unidades no Brasil e no México. “No ano passado, concentramos a operação, mas as vendas nos trimestres têm se superado e continuam avançando neste ano.”

Investimentos em 2021

Em função dessa melhora contínua da demanda, Rizzo acrescentou que a companhia irá investir R$ 250 milhões, neste ano, em aumento de produtividade, pequenas expansões e em segurança de trabalho. Parte desse valor foi postergado dos aportes previstos para 2020. O executivo ressaltou que do total estimado para o ano passado foram adiados de R$ 90 milhões a R$ 100 milhões.

“Voltamos ao patamar de 2019. Em 2020, investimos R$ 136 milhões, parte em eficiência da operação.

VISÃO DO MERCADO

Bradesco BBI

O Bradesco BBI reforçou recomendação de compra devido à recuperação da indústria automotiva na América do Norte, na Europa e no Brasil mais rápido do que o esperado, e perspectiva de valorização atrativa. E reduziu o preço-alvo baseado no fluxo de caixa descontado de R$ 35,00 para R$ 33,00.

Pensando em investir na Tupy?

Fundada em 1938, em Joinville, Santa Catarina, a TUPY tem capacidade para produzir 835 mil toneladas anuais de peças em ferro fundido, nos parques fabris de: Joinville (SC), Mauá (SP), Saltillo e Ramos Arizpe (Coahuilla – México). Certificada pelas normas ISO/TS 16949, ISO 9001 e ISO 14001, a TUPY emprega cerca de onze mil pessoas e exporta mais de 80% de sua produção, para aproximadamente 40 países.

→ A fabricante de blocos e cabeçotes de motores Tupy, possui R$ 2,56 bilhões de valor de mercado. Confira a Análise completa da empresa com informações exclusivas.

Produtos fundidos para os setores de transporte de carga, infraestrutura e agricultura / conexões em ferro fundido para aplicações em redes hidráulicas e de gás / perfis.

Governança Corporativa

As ações da Tupy são negociadas no Novo Mercado. A empresa realizou IPO no dia 17 de março de 1998.

Composição Acionária

Posição em 31/12/2020

Acionista

Total de ações

[%]

BNDESPar – Grupo de controle 40.645.370 28,2%
Previ – Grupo de controle 35.814.154 24,8%
Acionistas <5% 66.217.976 47,0%
Total 144.177.500 100,0%

Desempenho da empresa na B3

No último ano, as ações da Tupy oscilaram entre a mínima de R$10,23 e a máxima de R$ 24,16 No último pregão antes da divulgação do resultado do 4T20, a empresa fechou em alta de 2,58%, negociada a R$ 23,09.

Confira o histórico da Tupy (TUPY3)

Período Abertura Máxima Mínima Preço Médio Vol Médio Variação Variação %
1 Semana 20,84 23,26 20,19 22,04 1.685.320 1,32 6,33%
1 Mês 22,54 23,26 20,12 21,63 1.028.706 -0,38 -1,69%
3 Meses 21,31 24,16 20,12 22,00 1.060.653 0,85 3,99%
6 Meses 16,71 24,16 15,14 20,33 1.148.988 5,45 32,62%
1 Ano 22,20 24,16 10,23 18,37 1.062.258 -0,04 -0,18%
3 Anos 17,78 27,33 10,23 19,20 761.758 4,38 24,63%
5 Anos 16,35 27,33 10,23 18,05 632.010 5,81 35,54%
* Com informações da ADVFN, RI das empresas, Valor, Infomoney, Estadão, Reuters

Deixe um comentário