Smiles cumpre mais uma etapa e aprova a saída do segmento Novo Mercado da B3

LinkedIn

A Smiles aprovou a alteração do Estatuto Social da Companhia para retirada dos artigos referentes ao segmento especial de listagem da B3, denominado Novo Mercado, uma vez que foi aprovada, em sede de AGE realizada em 24 de março de 2021, a saída voluntária da Companhia do segmento Novo Mercado, com a dispensa da realização de oferta pública de aquisição, bem como demais ajustes de texto meramente formais.

O comunicado foi feito pela empresa (BOV:SMLS3) nesta segunda-feira (21). Confira o documento na íntegra.

A Companhia aprovou ainda a destituição dos atuais membros do Conselho de Administração, com subsequente eleição dos Srs. Constantino de Oliveira Júnior, para o cargo de Presidente do Conselho de Administração, Paulo Sérgio Kakinoff, Richard Freeman Lark Jr., Eduardo José Bernardes Neto e Celso Guimarães Ferrer Júnior, todos para o cargo de membro do Conselho de Administração; e a desinstalação do Conselho Fiscal, com a consequente destituição de todos os seus membros.

A troca das ações ordinárias dos acionistas da Smiles pelas ações preferenciais da companhia aérea na reorganização societária seguirá a seguinte relação de troca:

  • 44% das ações ordinárias da Smiles (SMLS3) serão trocadas por R$ 5,11 mais 0,6601 ação preferencial da GOL (GOLL4);
  • 56% das ações ordinárias da Smiles (SMLS3) serão trocadas por R$ 18,51 mais 0,1650 ação preferencial da Gol (GOLL4).

 Lucro líquido de R$ 47,7 milhões no primeiro trimestre, queda de 15,2%

Smiles, empresa de programa de fidelidade da Gol, reportou no primeiro trimestre do ano lucro líquido de R$ 47,7 milhões, valor 15,2% abaixo do lucro apurado no mesmo período de 2020.

“Infelizmente, após uma trajetória ascendente, com indicadores que melhoraram mês após mês, a segunda onda veio como um novo baque para o setor e nos fez, mais uma vez, ajustar a operação”, apontou a empresa, no documento que acompanha os resultados trimestrais.

A empresa disse que há uma relação direta entre a procura por passagens no site da Smiles e o noticiário de novos casos e mortes por covid-19. “A gente acredita que retomada mais forte é no segundo semestre, com o avanço da vacinação.

Ebitda – juros, impostos, depreciação e amortização – recuo de 21,9% ante o mesmo intervalo de 2020, para R$ 67,17 milhões. A Companhia apresentou margem EBITDA em 44,5% no 1T21, patamar abaixo do apresentado em 2020 (50,2%).

Deixe um comentário