Fechamento Ibovespa: Bolsa fecha em baixa de 0,11%% e todos os destaques de hoje (30/09/2021)

LinkedIn

O Ibovespa fechou o último pregão deste mês em baixa de 0,11%, a 110.979 pontos, após passar grande parte do dia no azul, impulsionado pelas ações de siderúrgicas que se beneficiaram da recuperação dos preços das commodities.

A Bolsa brasileira acumulou queda de 6,68% em setembro, o terceiro mês negativo consecutivo. Além da crise da gigante chinesa Evergrande, que levou a fortes baixas nos mercados globais e no doméstico, pesaram sobre o Ibovespa as perspectivas para o cenário fiscal brasileiro em 2022 e a inflação persistente.

“O pregão [de hoje] não foi melhor por conta dos Estados Unidos, onde os índices caíram por causa da preocupação dos investidores com a economia, em especial sobre o rumo da inflação”, afirma Rafael Ribeiro, analista da Clear Corretora.

Perto do fim da sessão em Wall Street, o Senado e a Câmara dos EUA aprovaram um projeto provisório de financiamento do governo. Depois de uma breve alta do mercado, as ações voltaram a cair, arrastando até mesmo o Nasdaq para o vermelho, após uma tendência de alta na maior parte do dia.

Todos os três índices de ações tiveram seu pior desempenho trimestral desde os primeiros meses de 2020, quando a pandemia Covid-19 colocou a economia global em xeque.

O dólar fechou cotado a R$ 5,4512, alta de 0,38%, após uma sessão de muita volatilidade antes da formação da Ptax – taxa de câmbio calculada pelo Banco Central que serve de referência para liquidação de derivativos – de fim de mês e trimestre.

➡️ Veja o fechamento desta quinta-feira:

🇧🇷 IBOV: -0,11% / 110.979 pts
🏢 IFIX: +0,57% / 2.715 pts
💵 Dólar: +0,38% / R$ 5,4512
💶 Euro: +0,35% / R$ 6,3167
💰Bitcoin: +8,06% / R$ 238.250

🇺🇸 Nova York

Dow Jones: -1,59% / 33.843 pts
S&P 500: -1,19% / 4.307 pts
Nasdaq: -0,44% / 14.448 pts

Acompanhe as altas e baixas da bolsa nos últimos dias:

Data Variação Pontuação Volume Financeiro
01/09/2021 0,20% 119.396,60 R$ 29,7 bilhões
02/09/2021 -2,3% 116.677,08 R$ 29,9 bilhões
03/09/2021 0,2% 116.933,24 R$ 45,6 bilhões
06/09/2021 0,8% 117.868,63 R$ 15,9 bilhões
08/09/2021 -3,8% 113.412,84 R$ 39,7 bilhões
09/09/2021 1,7% 115.360,86 R$ 38,9 bilhões
10/09/2021 -0,9% 114.285,93 R$ 30,4 bilhões
13/09/2021 1,9% 116.403,72 R$ 31,2 bilhões
14/09/2021 -0,2% 116,180,55 R$ 29,3 bilhões
15/09/2021 -1,0% 115.062,54 R$ 46,19 bilhões
16/09/2021 -1,1% 113.794,28 R$ 35,6 bilhões
17/09/2021 -2,1% 111.439,37 R$ 44,9 bilhões
20/09/2021 -2,3% 108.843,74 R$ 38,7 bilhões
21/09/2021 1,3% 110.249,73 R$ 29 bilhões
22/09/2021 1,8% 112.282.28 R$ 38,8 bilhões
23/09/2021 1,6% 114.064,36 R$ 32,9 bilhões
24/09/2021 -0,7% 113.282,67 R$ 29,5 bilhões
27/09/2021 0,3% 113.583,01 R$ 30,442 bilhões
28/09/2021  -3,0% 110.123,85  R$ 35,7 bilhões
29/09/2021 0,9%  111.106,83  R$ 30,6 bilhões
30/09/2021 -0,1 110.979,10 R$ 42,1 bilhões

DESTAQUES DO IBOVESPA – (pregão à vista)

  • ALTAS IBOVESPA

PRIO3: +9,50% a R$ 25,02
LWSA3: +4,86% a R$ 22,88
GGBR4: +3,95% a R$ 27,10
GOAU4: +3,24% a R$ 12,42
CSNA3: +3,05% a R$ 28,73

  • BAIXAS IBOVESPA

BIDI11: -7,26% a R$ 46,65
BIDI4: -5,83% a R$ 15,68
CIEL3: -4,58% a R$ 2,29
CVCB3: -3,93% a R$ 21,52
CASH3: -3,84% a R$ 6,01

Confira o ranking completo de todos os papéis negociados na B3.

  • 💥 Confira os destaques corporativos de hoje 💥

    B3 (B3SA3)

    A BlackRock lançou cinco BDRs de ETFs em parceria com a B3. As aplicações são voltadas para investidores qualificados, ou seja, que tenham pelo menos R$ 1 milhão em capital investido. Saiba mais…

    BRF (BRFS3)

    A BRF anunciou que vai ampliar a capacidade de produção, armazenagem e expedição de ração em cerca de 30% na fábrica de rações em Gaurama, no Rio Grande do Sul. O local receberá R$ 23 milhões em investimentos para a construção de novos silos, melhora da estrutura logística interna e tratamento do produto. Saiba mais…

    BR Properties (BRPR3)

    BR Properties fechou contrato de permuta com três empresas da Cristais Log para adquirir terreno em Cajamar (SP) para o desenvolvimento de projeto logístico. Saiba mais…

    CEEE-GT (EEEL3/EEEL4)

    A Companhia Estadual de Geração e Transmissão de Energia Elétrica (CEEE-GT) estendeu o direito de recesso dos acionistas da Companhia Estadual de Geração de Energia Elétrica (CEEE-G) para 1º de novembro.

    Energisa (ENGI11)

    O Conselho de Administração da Energisa aprovou a 15ª emissão de debêntures simples, não conversíveis em ações, da espécie quirografária, em até quatro séries, no valor de até R$ 1,330 bilhão. Os títulos serão objeto de distribuição pública, com esforços restritos de colocação e prazos de vencimento de 10, 15, 5 e 7 anos respectivamente da primeira, segunda, terceira e quarta séries. Saiba mais…

    Eternit (ETER3)

    A Eternit aprovou a redução do capital social em R$ 57,4 milhões, diante da absorção de prejuízos acumulados. Saiba mais…

    Petrobras (PETR4/PETR3) 

    Petrobras informou que sua subsidiária integral Petrobras Global Finance (PGF) concluiu a liquidação financeira do resgate antecipado dos títulos 4,375% Global Notes e 4,25% Global Notes, ambos com vencimento em 2023. Saiba mais…

    Petrobras aprovou, a destinação de R$ 300 milhões, em um período de 15 meses, para a criação de um programa social de apoio a famílias em situação de vulnerabilidade social, com foco no gás liquefeito de petróleo (GLP), conhecido popularmente como gás de cozinha. Saiba mais…

    Em resposta às críticas sobre o alto preço dos combustíveis, o presidente da República, Jair Bolsonaro, afirmou que o alto custo de vida em seu governo é justificado porque, em sua gestão, não pode-se gastar mais, como feito nos governos anteriores. Em repúdio aos governos do PT, Bolsonaro afirmou que a dívida da Petrobras deixada para sua gestão foi de cerca de R$ 230 bilhões em obras anunciadas e não construídas. Segundo ele, a população tem razão em reclamar, mas é preciso entender o contexto nacional. Saiba mais…

    Petrorecôncavo (RECV3)

    A Petrorecôncavo assinou o contrato de compra e venda para suprimento de gás natural da Companhia Potiguar de Gás, Potigás. Saiba mais…

    RNI Negócios (RDNI3)

    RNI Negócios, em parceria com a incorporadora Stéphani Nogueira, anunciou o lançamento do empreendimento Magnólia, localizado em Ribeirão Preto, no estado de São Paulo. Saiba mais…

    Sabesp (SBSP3)

    Sabesp comunicou que o Conselho Diretor do Programa Estadual de Desestatização (CDPED) recomendou a contratação, pela Secretaria da Fazenda e Planejamento, do International Finance Corporation (IFC) para realizar estudo da reestruturação do capital da companhia. Saiba mais…

    Taesa (TAEE11)

    A transmissora de energia Taesa está entre as empresas que estudam o leilão de privatização dos ativos de transmissão da elétrica goiana Celg. Mas a empresa entende que o preço mínimo de R$1 bilhão fixado para o negócio desestimula a participação na disputa, disse ao Scoop o diretor financeiro da companhia, Erik Breyer. Saiba mais…

    Terra Santa Agro (TESA3)

    A gestora Esh publicou uma tréplica à Terra Santa, aumentando um pouco mais a temperatura da discussão entre as empresas.

    Vale (VALE3)

    A Vale informou a regularização da circulação de trens no Complexo de Mariana, após a Secretaria Regional do Trabalho (SRT) ter expedido Termo de Suspensão parcial da interdição do local, próximo à barragem Xingu, permitindo a operação regular da Estrada de Ferro Vitória a Minas (EFVM), no ramal Fábrica Nova. Saiba mais…

(Com informações do Forbes Money e Momento B3)

Deixe um comentário