Fechamento Ibovespa: Bolsa fecha em forte queda de 3,39% e todos os destaques de hoje (26/11/2021)

LinkedIn

O Ibovespa fechou em forte queda de 3,39%, a 102.224 pontos, em sessão de aversão ao risco global por conta de receios sobre a nova variante da Covid-19, possivelmente resistente a vacinas. Nenhum dos papéis encerrou o pregão em alta.

As contribuições negativas de maior peso ao índice foram Vale (VALE3) e Petrobras (PETR3 e PETR4), que caíram 2,64%, 4,36% e 3,88%, respectivamente, afetadas pelo recuo dos preços das commodities.

Azul (AZUL4), CVC (CVCB3) e Gol (GOLL4) estão entre os destaques negativos da sessão, com baixas de 13,78%, 11,17% e 10,95%, respectivamente, refletindo o impacto da nova cepa no turismo mundial. O Ibovespa encerrou a semana com queda acumulada de 1%.

Em Wall Street, os índices também registraram fortes perdas. Todos os setores do S&P 500 recuaram por conta da nova variante, com o setor de energia liderando as perdas em 4,04%, e o setor de saúde sofrendo o impacto mais ameno, 0,45%. As operadoras de cruzeiros Carnival Corp, Royal Caribbean Cruises e Norwegian Cruise Line despencaram mais de 10% cada. United Airlines, Delta Air Lines e American Airlines também afundaram mais de 8%.

Apesar da liquidação, os participantes do mercado observaram que a queda foi provavelmente exagerada pelo volume reduzido de negociação nesta sessão, que teve menos horas de duração por causa do feriado de Ação de Graças de ontem (25).

O dólar fechou em alta de 0,54%, negociado a R$ 5,5948 na venda, em linha com a fraqueza internacional das moedas emergentes nesta sexta-feira e a busca dos investidores por segurança. Ainda assim, a cotação ficou bem distante das máximas intradiárias, o que alguns especialistas atribuíram à alta taxa de vacinação da população brasileira.

➡️ Veja o fechamento desta sexta-feira:

🇧🇷 IBOV: -3,39% a 102.224 pts
🏢 IFIX: -0,49% a 2.581
💵 Dólar: +0,54% a R$ 5,5948
💶 Euro: +1,49% a R$ 6,3303
💰Bitcoin: -5,60% a R$ 305.932,00

🇺🇸 Nova York
Dow Jones: -2,53% / 34.899 pts
S&P 500: -2,27% / 4.594 pts
Nasdaq: -2,23% / 15.491 pts

Acompanhe as altas e baixas da bolsa nos últimos dias:

Data Variação Pontuação Volume Financeiro
03/11/2021 0,06% 105.616,88 R$ 41,8 bilhões
 05/11/2021  1,4% 104.824,23  R$ 35,3 bilhões
08/11/2021 0,04% 104.781,13 R$ 25,0 bilhões
09/11/2021 0,6% 105.399,40 R$ 27,6 bilhões
10/11/2021 0,5% 106.087,42 R$ 32,5 bilhões
11/11/2021 1,5% 107.594,67 R$ 36,8 bilhões
12/11/2021 -1,2% 106.334,54 R$ 31,7 bilhões
16/11/2021 -1,7% 104.559,01 R$ 27,7 bilhões
17/11/2021 -1,4% 102.948,45 R$ 45,18 bilhões
18/11/2021 -0,5% 102.426,00 R$ 26,6 bilhões
19/11/2021 0,6 103.035,02 R$ 27 bilhões
22/11/2021 -0,9% 102.122,37 R$ 19,6 bilhões
23/11/2021 1,5% 103.653,83 R$ 30,7 bilhões
24/11/2021  0,83%  104.514,19  R$ 26,9 bilhões
25/11/2021 1,2% 105.811,25 R$ 26,6 bilhões
26/11/2021 -3,4% 102.224,26 R$ 28,3 bilhões

DESTAQUES DO IBOVESPA – (pregão à vista)

  • ALTAS IBOVESPA

SUZB3: +0,15% a R$ 54,81
TAEE11: +0,11% a R$ 35,94

  • BAIXAS IBOVESPA

AZUL4: -13,78% a R$ 23,41
GOLL4: -11,17% a R$ 15,19
CVCB3: -10,95% a R$ 14,97
CASH3: -10,14% a R$ 3,19
PRIO3: -9,19% a R$ 20,05

Confira o ranking completo de todos os papéis negociados na B3.

  • 💥 Confira os destaques corporativos de hoje 💥

    Banco do Nordeste (BNBR3)

    O Banco do Nordeste desabilitou empresas do Crediamigo por não cumpriram as exigências requeridas no Edital.

    Biomm (BIOM3)

    A Biomm aprovou aumento de capital e vai emitir 8 milhões de ações, no máximo, para subscrição privada. Trata-se de ações ordinárias, todas escriturais e sem valor nominal. Saiba mais…

    Eletrobras (ELET3/ELET5/ELET6)

    O Conselho de Administração da Eletrobras aprovou o Plano de Alienação de participações societárias minoritárias. O plano consiste em definir uma lista de participações que serão vendidas ao mercado. Saiba mais…

    A Eletrobras informa a conclusão da transferência das ações da SPE Transmissora Sul Litorânea de Energia (TSLE), de posse da Companhia Estadual de Transmissão de Energia Elétrica (CEEE-T), para a Companhia de Geração e Transmissão de Energia Elétrica do Sul do Brasil (CGT Eletrosul). Saiba mais…

    Equatorial (EQTL3) 

    A Equatorial recebeu rating ‘brAA+’ da S&P Global referente a 1ª, 2ª e 3ª séries da 5ª Emissão da Companhia. Os recursos captados serão utilizados para gestão dos negócios, podendo incluir o financiamento da aquisição da Echoenergia Participações S.A., cuja conclusão ainda depende de aprovações regulatórias.

    Inter (BIDI11)

    O Inter aprovou a reorganização societária em assembleia. A referida operação enseja direito de reembolso para os acionistas dissidentes no valor de até R$ 45,84 por unit. Saiba mais…

    Localiza (RENT3)

    A Localiza informou ao Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) estar inclinada a se desfazer da marca Unidas para conseguir a aprovação do órgão para o plano de incorporar a locadora ao seu negócio, de acordo com fontes ouvidas pelo Valor. Saiba mais…

    LPS Brasil (LPSB3)

    A LPS Brasil aprovou o encerramento do programa de recompra de ações por meio do qual foram adquiridas 5 milhões de ações de sua própria emissão, a um preço médio de R$ 3,13. Saiba mais…

    Mills (MILS3)

    Mils anunciou a conclusão da operação de aquisição da SK Rental do Brasil. Para concluir o negócio, a companhia de engenharia realizou o pagamento de R$ 89,1 milhões aos acionistas da SK Rental. Saiba mais…

    Petrobras (PETR4/PETR3)

    Petrobras publicou um comunicado sobre o fim do litígio judicial com a Companhia de Eletricidade do Amapá (CEA). Saiba mais…

    A Petrobras prorrogou até o próximo dia 12 de dezembro o prazo para inscrição no primeiro edital da estatal baseado no novo Marco Legal das Startups (MSL), que terminaria no próximo domingo. O edital visa a seleção e contratação de soluções inovadoras de acordo com o novo ambiente regulatório criado pela lei complementar 182/21, que entrou em vigor em agosto deste ano. Saiba mais…

    Ser Educacional (SEER3)

    A Ser Educacional comunica que a Superintendência Geral do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE) aprovou, sem restrições, a aquisição de 100% do capital social da Faculdade Educacional da Lapa (FAEL), exclusivamente na modalidade de Ensino Digital, pela 3L Digital, subsidiária da Ser Educacional. Saiba mais…

    Tim (TIMS3)

    Os fundos de private equity KKR e CVC Capital Partners avaliam a possibilidade de se unirem em uma oferta de compra pela Telecom Italia, controladora da Tim Brasil, conforme reportagem do jornal Valor. Saiba mais…

(Com informações do Forbes Money e Momento B3)

Deixe um comentário