Confira a reação do mercado cripto nesta terça-feira (06/06/2023)

LinkedIn

As maiores criptomoedas continuam em queda nesta terça-feira (6) diante de mais uma investida de reguladores nos EUA, outra vez contra a Binance, maior exchange cripto do mundo.

Nas bolsas globais, traders reagem ao aumento surpresa dos juros pelo banco central australiano e ao lançamento de produtos pela gigante Apple.

Bitcoin e outras criptomoedas operam perto da estabilidade na manhã desta terça-feira, mas continuaram abaixo dos níveis-chave em meio a uma correção do pico recente de abril para os preços dos ativos digitais. Um acordo para aumentar o teto da dívida dos EUA permanece indefinido e criou incerteza para os traders de criptomoedas.

Maior das criptomoedas, o bitcoin, após cair mais de 5% diante da nova pressão regulatória, recua 3,8% nas últimas 24 horas, cotado a US$ 25.776. O ether, moeda digital da rede Ethereum, também recua (-2,7%) e é negociado a US$ 1.819. Confira as principais criptomoedas na ADVFN.

Traders da segunda maior criptomoeda acompanham a tendência negativa do mercado, mas também estão atentos à transferência de US$ 41 milhões em ETH para a corretora Kraken por Jeffrey Wilcke, cofundador da blockchain.

Além do processo contra a Binance, reguladores americanos também afirmaram que os tokens Solana (-7,1%), Polygon (-6,8%) e Cardano (-5,1%) são valores mobiliários, notícia que pesa sobre as cotações nesta terça.

Outras altcoins operam no vermelho, com destaque para o BNB (-7,2%), XRP (-4,1%), Dogecoin (-7,1%), Polkadot (-3,9%), Avalanche (-4,7%) e Shiba Inu (-5,6%).

🚨 Acompanhe o mercado de criptomoedas em tempo real: Monitor ADVFN!

A capitalização de mercado global é de R$5.38T, uma queda de 3.45% durante o último dia.

O volume total do mercado de criptomoedas das últimas 24 horas é de R$225.96B, o que representa 69.86% de aumento. O volume total de DeFi atualmente é de R$16.54B7.32% do volume total do mercado de criptomoedas em 24h. O volume de todas as stablecoins agora é de R$213.05B, o que representa 94.29% do volume em 24 horas do mercado total de criptomoedas.

A dominância do Bitcoin atualmente é de 45.74%, uma queda de 0.08% durante o dia.

Histórico

Hoje, o Bitcoin ( BTCUSD) opera em alta de 0,1% ante o dólar, com a criptomoeda sendo negociada a U$ 25.788. No último pregão de maio, o bitcoin fechou cotado a U$ 27.246. Em 2022, a principal criptomoeda do mundo fechou cotada a U$ 16.692.

👁️ Fique de olho

Momento cripto de hoje: A partir das 15h

🔥 Tendências do dia Var (%) 
Pepe  -14,12%
BNB  -7,21%
Bitcoin  +0,1%

Confira o Ranking de hoje das principais criptomoedas

 

Saques na Binance

O processo da SEC, a CVM dos EUA, contra a Binance e seu fundador, Changpeng “CZ” Zhao, abalou a confiança de investidores na maior exchange cripto do mundo.

Dados da Nanse.ai divulgados pelo CoinDesk mostram que os saques em todos os protocolos vinculados à corretora já somam US$ 719 milhões nas últimas 24 horas.

Durante o horário de negociação em Nova York na segunda-feira, as retiradas somaram US$ 230 milhões após o anúncio do processo, que inclui 13 infrações diferentes, entre elas, a violação das leis de valores mobiliários dos EUA.

Em comunicado, o xerife de Wall Street explicou a razão de estar processando a corretora e seu CEO:

“Enquanto Zhao e Binance alegaram publicamente que os clientes dos EUA foram impedidos de realizar transações na Binance.com, Zhao e Binance, na realidade, subverteram seus próprios controles para permitir secretamente que clientes americanos de ‘alto valor’ continuassem negociando na plataforma Binance.com”.

Antes de o processo da SEC vir à tona, reportagem da Reuters revelou que um executivo sênior da Binance era o principal operador de contas bancárias que pertenciam à Binance.US que, segundo a gigante global, é uma afiliada independente no mercado americano.

De acordo com a Reuters, o já falido Silvergate Bank teria autorizado Guangying Chen, executivo próximo a CZ, a operar as contas em 2019 e 2020, de acordo com registros daqueles anos. Isso permitiu que Chen e seus representantes movimentassem os fundos mantidos nas contas bancárias.

Os funcionários da afiliada Binance.US tinham que pedir à equipe de Chen para processar os pagamentos, segundo a Reuters, mesmo para cobrir os salários da empresa, mostram mensagens internas.

Procurada pela Reuters, a Binance.US negou que a Binance global operava suas contas bancárias nos EUA.

Na opinião do analista da Berenberg, Mark Palmer, a investida da SEC contra a Binance pode dar uma ideia do que está à espera da Coinbase, maior exchange cripto dos EUA.

“Observamos que vários dos detalhes do processo que a comissão moveu contra a Binance ecoam aqueles que foram abertos anteriormente contra as exchanges de criptomoedas Bittrex e Kraken, e acreditamos que esses casos, em conjunto, representam uma prévia da ação que provavelmente será aberta contra a COIN (Coinbase)”, disse Palmer.

 Interesse por criptomoedas

A calmaria anterior ao processo movido contra a Binance foi refletida nas buscas do Google. De acordo com o Cointelegraph, as pesquisas online por “criptomoedas” caíram para os menores níveis desde o fim de 2020.

Mas, no Brasil, o apetite de investidores por criptomoedas continua forte. Apesar das retiradas de fundos cripto pela sétima semana seguida, investidores brasileiros aplicaram US$ 2,4 milhões no período, o segundo maior valor, de acordo com dados da CoinShares.

Aproveitando esse interesse, a Hashdex lançou o primeiro fundo ativo de previdência no Brasil com investimento em cripto, conforme a Exame.

E a Tether, emissora da USDT, maior stablecoin do mundo, quer buscar uma licença e estuda auditoria de reservas para entrar no mercado brasileiro, disse o diretor de tecnologia da empresa, Paolo Ardoino, ao InfoMoney.

Outros destaques das criptomoedas

Processos contra empresas que financiaram a FTX, que colapsou em novembro passado, e contra celebridades que ajudaram a promover a exchange cripto fundada por Sam Bankman-Fried foram consolidados perante um único juiz federal na Flórida, informou a Bloomberg. Na segunda-feira (5), um painel judicial ordenou a criação de um litígio “multidistrital” perante o juiz K. Michael Moore em Miami, observando que a sede da empresa nos EUA se encontrava na cidade antes de o grupo pedir recuperação judicial.

Clientes entraram com várias ações coletivas contra empresas de capital de risco e private equity que investiram na FTX, entre elas Sequoia Capital e Thoma Bravo, alegando que estas apoiaram Bankman-Fried, atualmente processado por fraude, entre outros supostos delitos. Celebridades processadas que endossaram a FTX incluem Gisele Bündchen, seu ex Tom Brady, a lenda da NBA Shaquille O’Neal e o comediante Larry David.

Uma parceria público-privada em El Salvador vai investir US$ 1 bilhão na criação de uma das maiores fazendas de mineração de Bitcoin do mundo, segundo anunciado pela Volcano Energy na segunda-feira. O projeto começa com US$ 250 milhões iniciais, apoiados pelos “principais líderes da indústria de Bitcoin”, em colaboração com incorporadoras de energia renovável, disse a Volcano Energy em comunicado divulgado pela Reuters.

O tão aguardado aparelho de realidade mista da Apple foi apresentado na segunda-feira (5) durante a Conferência Mundial de Desenvolvedores. O “Vision Pro”, que será vendido por cerca de US$ 3,5 mil nos EUA a partir do ano que vem, é a aposta da empresa no metaverso, embora a gigante não tenha sequer citado a palavra durante o evento, de acordo com o Estadão, e tampouco outro termo da moda, a inteligência artificial.

Análise do Decrypt destaca que os gamers não devem ficar muito animados com o novo aparelho. A Apple passou bastante tempo detalhando os aspectos de hardware e de software do dispositivo, mas quase não mencionou games, apenas destacando que os óculos são compatíveis com os jogos do Apple Arcade.

Com informações do Portal do Bitcoin e CoinmarketCap

Deixe um comentário

Seu Histórico Recente
BOV
VALE5
Vale PNA
BOV
IBOV
iBovespa
BOV
PETR4
Petrobras
BOV
IGBR3
IGB SA
FX
USDBRL
Dólar EUA ..
Ações já vistas aparecerão nesta caixa, facilitando a volta para cotações pesquisadas anteriormente.

Registre-se agora para criar sua própria lista de ações customizada.

Faça o login em ADVFN
Registrar agora

Ao acessar os serviços da ADVFN você estará de acordo com os Termos e Condições

Support: (11) 4950 5808 | suporte@advfn.com.br

V: D: 20230922 07:42:14