Renova: ações emitidas no aumento de capital foram parcialmente subscritas por titulares de direitos

LinkedIn

A Renova informou que durante o período de exercício do direito de preferência, as ações emitidas no aumento de capital foram parcialmente subscritas pelos titulares de direitos de subscrição.

O comunicado foi feito pela empresa (BOV:RNEW3)(BOV:RNEW4) (BOV:RNEW11), nesta quarta-feira (14).

Dessa forma, das 175.648.118 ações ON emitidas, restaram 175.580.625 para subscrição de sobras.

Ao mesmo tempo, das 58.080.828 PN emitidas, restaram 58.030.015 para serem negociadas no procedimento de subscrição de sobras.

A Renova pretende divulgar os resultados do 1T21 no dia 14 de maio.

Lucro líquido de R$ 22,4 milhões em 2020, revertendo prejuízo de 2019

A Renova Energia, que está em recuperação judicial, registrou lucro líquido de R$ 22,4 milhões, revertendo prejuízo de R$ 1,014 bilhão de 2019.

A Renova explica que a melhora se deve ao resultado positivo de equivalência patrimonial e resultado financeiro positivo decorrente da reversão das despesas financeiras provisionadas de acordo o previsto em norma contábil entre o deferimento do pedido e a aprovação do plano de recuperação judicial.

4T20

A Renova Energia divulgou lucro líquido de R$ 245,3 milhões no quarto trimestre de 2020, revertendo prejuízo de R$ 239,2 milhões do mesmo período de 2019.

O Ebitda – lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização – ajustado foi negativo em R$ 11,084 milhões, indicando melhora de 88,2% ante resultado negativo de R$ 93,6 milhões de um ano antes.

No quarto trimestre de 2020, a receita operacional líquida foi de R$ 21,8 milhões, alta de 96,1% na comparação anual. A expansão se deve, acrescenta a empresa, ao contrato Light, que estava suspenso no mesmo período do ano anterior.

Deixe um comentário