ADVFN Logo ADVFN

Não encontramos resultados para:
Verifique se escreveu corretamente ou tente ampliar sua busca.

Tendências Agora

Rankings

Parece que você não está logado.
Clique no botão abaixo para fazer login e ver seu histórico recente.

Hot Features

Registration Strip Icon for default Cadastre-se gratuitamente para obter cotações em tempo real, gráficos interativos, fluxo de opções ao vivo e muito mais.

Nubank adota Bitcoin Lightning Network, Solana lança transações via links, Bybit ultrapassa Coinbase em volume

LinkedIn

Mercado cripto se recupera após quedas significativas

Após atingir mínimas de seis semanas, o preço do Bitcoin (COIN:BTCUSD) se recuperou na terça-feira, atingindo uma máxima intradiária de US$ 62.130,84, cotado atualmente em US$ 61.684,33, uma alta de 2,36% nas últimas 24 horas. Este movimento ocorre em meio a uma onda de vendas maciças, com o RSI atingindo níveis baixos recordes, indicando uma possível reversão ou estabilização nos preços futuros. Analistas apontam para uma “zona de liquidez massiva” em torno de US$ 65.000 como próximo alvo para curto prazo.

Um tuíte da Injective (COIN:INJUSD), que insinuou uma possível colaboração com a Fetch.AI (COIN:FETUSD) gerou especulação e entusiasmo na comunidade cripto na terça-feira, impulsionando o preço do FET de uma abertura de US$ 1,63 para uma máxima intradiária de US$ 1,80. No momento da escrita, FET reverteu os ganhos, e estava em queda de -1,23%, cotado a US$ 1,61.

A moeda meme Bonk (COIN:BONKUST), também subiu expressivamente na terça-feira, de US$ 0,000022 para US$ 0,000024. O aumento foi impulsionado por expectativas geradas por análises técnicas e on-chain, que apontam para uma possível recuperação de valor, depois que o BONK sofreu uma perda de quase US$ 2 bilhões em menos de dois meses. Além disso, um crescimento na dominância social indicou um aumento do interesse e discussões sobre BONK, frequentemente correlacionado com altas no preço do token. Atualmente, o token estava em alta de 4,55%, cotado em US$ 0,000023.

Paralelamente, TonCoin (COIN:TONCOINUSD) e Ripple (COIN:XRPUSD) subiram até 1%. Ethereum (COIN:ETHUSD) e Binance Coin (COIN:BNBUSD) estavam em alta de até 2%. Enquanto isso, Solana (COIN:SOLUSD) e Dogecoin (COIN:DOGEUSD) subiram 5,12% e 7,53%, respectivamente.

Nubank amplia serviços com Bitcoin Lightning Network em parceria com Lightspark

Nubank (NYSE:NU), o maior banco fintech da América Latina, formou uma parceria com a Lightspark para integrar a Bitcoin Lightning Network e Universal Money Addresses em sua plataforma. Essa colaboração visa oferecer transações rápidas e de baixo custo entre Bitcoin (COIN:BTCUSD) e moedas fiduciárias. A iniciativa está alinhada com o objetivo do Nubank de proporcionar serviços mais eficientes e econômicos aos seus clientes através da tecnologia blockchain.

Governo alemão vende US$ 54 milhões em Bitcoin

A carteira do governo alemão realizou três transações em 25 de junho, vendendo um total de 900 Bitcoins, avaliados em mais de US$ 54 milhões. As transferências incluíram 200 BTC para a Coinbase, 200 BTC para a Kraken e 500 BTC para a carteira desconhecida “139Po”. Esta não é a primeira interação da carteira com “139Po”, levantando especulações sobre suas atividades. Com 46.359 Bitcoins restantes, a carteira pode influenciar o mercado, potencialmente afetando o preço do Bitcoin abaixo de US$ 60.000.

Fundos de Bitcoin dos EUA registram saída de US$ 174 milhões

Em 24 de junho, os fundos de Bitcoin dos EUA tiveram saídas líquidas totalizando US$ 174,45 milhões, registrando o sétimo dia consecutivo de saídas. O ETF da Grayscale (AMEX:GBTC) liderou com saídas de US$ 90 milhões, seguido pelo ETF da Fidelity (AMEX:FBTC) com US$ 35 milhões. Fundos como EZBC, HODL, BITB, Ark Invest, e outros também registraram saídas, enquanto o IBIT da BlackRock registrou fluxo zero na segunda-feira. O Bitcoin (COIN:BTCUSD) caiu para seu nível mais baixo em seis semanas, brevemente abaixo de US$ 60.000, influenciado pelo anúncio da Mt. Gox de distribuir US$ 9 bilhões em bitcoins aos credores, gerando preocupações entre os investidores sobre uma potencial pressão de venda.

Quer saber mais sobre o Mercado de Bitcoin? Acesse a nossa Central Bitcoin.

VanEck avança com ETF de Ethereum e espera lançamento rápido

A VanEck submeteu o formulário 8-A para seu ETF de Ethereum na SEC em 25 de junho, aproximando o fundo de negociações diretas. Segundo Eric Balchunas, analista da Bloomberg, baseado no rápido progresso do ETF de Bitcoin da empresa, o ETF de Ethereum poderia começar a ser negociado até 2 de julho de 2024. A falta de preocupações da SEC sobre o processo sugere uma aprovação e listagem aceleradas.

Projeção otimista para ETFs de Ethereum nos EUA segundo CIO da Bitwise

Matt Hougan, CIO da Bitwise, estima que os ETFs spot de Ethereum nos EUA atrairão cerca de US$ 15 bilhões nos primeiros 18 meses após o lançamento. Essa expectativa baseia-se na capitalização de mercado relativa do Ethereum (COIN:ETHUSD) em comparação ao Bitcoin, bem como nas dinâmicas do mercado internacional de produtos negociados em bolsa.

Quer saber mais sobre o Mercado de Ethereum? Acesse a nossa Central Ethereum.

Cresce o interesse dos investidores institucionais japoneses em criptomoedas

Uma pesquisa da Nomura Holdings (NYSE:NMR) e Laser Digital revelou que mais da metade dos gestores de investimentos no Japão planeja investir em criptomoedas nos próximos três anos. A pesquisa, que incluiu 547 gestores, mostrou que 54% estão inclinados a diversificar seus portfólios com ativos digitais. Os gestores citaram a diversificação, baixa correlação com outros ativos e alto potencial de retorno como motivos principais, com muitos preferindo alocar 2-5% de seus ativos em cripto.

Solana lança “blinks” para transações cripto em sites

A Fundação Solana (COIN:SOLUSD) revelou um novo recurso chamado Solana Actions e “blinks”, que permitem transações diretas via links compartilháveis. Este avanço permite que qualquer site hospede transações Solana, facilitando desde crowdfunding até compras online e votação onchain. Segundo Jon Wong da Solana Foundation, sites e mídias sociais podem distribuir blinks via QR codes físicos ou links digitais. A segurança é enfatizada com aprovações de domínios confiáveis para evitar fraudes.

Quer saber mais sobre o Mercado de Solana? Acesse a nossa Central de Solana.

Metaplanet lança subsidiária para reforçar estratégia em Bitcoin e expansão global

A Metaplanet (TSX:3350), uma empresa destacada no mercado de Bitcoin, fundou a Metaplanet Capital Limited nas Ilhas Virgens Britânicas para gerenciar seus investimentos em Bitcoin e explorar mercados internacionais. A subsidiária, liderada por Simon Gerovich com um capital de US$ 10.000, fortalecerá a estratégia focada em Bitcoin da empresa. Recentemente, a Metaplanet comprou 141 Bitcoins e anunciou a emissão de novos títulos para financiar mais aquisições, consolidando-se como uma potência na estratégia de Bitcoin na Ásia.

Bybit supera Coinbase e se torna a segunda maior exchange de criptomoedas

A exchange de criptomoedas Bybit alcançou um crescimento expressivo, ultrapassando a Coinbase Global (NASDAQ:COIN) em volume de negociações e se estabelecendo como a segunda maior bolsa do setor, segundo a Kaiko. Desde outubro de 2023, a Bybit dobrou sua participação de mercado de 8% para 16%. Este aumento coincide com o lançamento de ETFs de bitcoin à vista em janeiro, que impulsionou os volumes de negociação em todo o mercado. A estrutura competitiva de taxas da Bybit tem sido um fator decisivo para atrair traders.

CEO da Delio afirma que depósitos não tinham garantia de proteção principal

Jung Sang-ho, CEO da plataforma sul-coreana de criptomoedas Delio, que enfrenta problemas legais após a falência da empresa, declarou que nunca prometeu a proteção do principal dos depósitos dos investidores. Durante um julgamento, ele mencionou que os termos de serviço, conformes com as exigências da Unidade de Inteligência Financeira da Coreia, esclareciam que os depósitos não estavam garantidos. Credores e a acusação questionam a prática, enquanto a defesa argumenta que as movimentações financeiras da empresa eram limitadas.

Casal reivindica segundo pagamento na falência da Celsius após desigualdade em desembolsos

Segundo o Cointelegraph, um casal detentor de contas corporativas na falida Celsius moveu uma ação exigindo um segundo pagamento. Eles reivindicam que receberam 35% a menos do que titulares de contas não corporativas, alegando que a Celsius atrasou os pagamentos e os converteu em dinheiro em vez de criptomoedas, gerando perdas significativas. Representados coletivamente como “Credores Faller,” quatro IRAs — BFaller RD, BFaller ROTH RD, SFaller TRD RD, e SFaller RD — que antes da falência continham mais de US$ 1 milhão em criptomoedas, agora buscam uma ordem judicial para receber US$ 634.337,93 em Bitcoin, conforme ajustado pelo plano de falência.Estas contas são de propriedade de Sheri Anne Faller e Bernard Jacob Faller, conforme registrado no Estado da Califórnia. Uma audiência está marcada para 27 de junho.

Desafios regulatórios e tecnológicos da IA generativa e o papel do blockchain

A expansão da inteligência artificial generativa levanta questões críticas para a governança, especialmente na validação de autenticidade de conteúdos e identidades em um mundo onde a IA pode replicar quase qualquer mídia. Para combater isso, a Coalition for Content Provenance and Authenticity (C2PA) está desenvolvendo padrões técnicos para verificar a proveniência do conteúdo. No entanto, esses métodos têm limitações, como a possibilidade de alteração de metadados. A tecnologia blockchain, com sua capacidade de manter registros imutáveis, é vista como uma solução promissora para garantir a integridade das informações, desde que implementada de maneira eficaz e integrada com normas globais, poderia ajudar a estabelecer um novo padrão de autenticidade digital.

Blockchain democratiza investimento em energia renovável

A tecnologia blockchain está revolucionando o setor de energia renovável ao permitir investimentos de menor escala em projetos de energia limpa, como eólica e solar. Antes restrito a grandes investidores, o blockchain oferece agora a oportunidade para o público geral participar, abrindo caminho para um “mercado de ações” de ativos renováveis. A Plural Energy, uma startup dos EUA, está liderando a integração entre a tecnologia blockchain e o setor de energia renovável. O CEO da empresa, Adam Silver, destaca que a missão da Plural Energy é possibilitar que investidores comuns participem do financiamento de projetos de energia limpa. Utilizando a blockchain, a empresa facilita investimentos seguros e descentralizados em pequena escala, permitindo acesso a um mercado tradicionalmente dominado por grandes investidores institucionais.

Proposta de lei busca aceitação de Bitcoin para pagamento de impostos federais nos EUA

O deputado Matt Gaetz apresentou um projeto de lei que propõe a aceitação de Bitcoin (COIN:BTCUSD) para o pagamento de impostos federais, visando modernizar o sistema tributário. A medida busca integrar moedas digitais no sistema financeiro dos EUA, promovendo inovação e flexibilidade para os contribuintes. A legislação sugere que o Secretário do Tesouro desenvolva um plano que incluiria regulamentações sobre a conversão imediata de Bitcoin para dólares e especificações sobre o recebimento desses pagamentos.

Colosseum levanta US$ 60 milhões para investir em startups Solana

A Colosseum, uma nova aceleradora de startups focada em Solana, anunciou que arrecadou US$ 60 milhões para um fundo de investimento. O fundo se concentrará em startups em estágio inicial que emergem de hackathons Solana, promovendo inovação criptográfica. Clay Robbins, cofundador, destacou o apoio diversificado dos investidores, enfatizando o potencial do ecossistema Solana. A Colosseum vê hackathons como catalisadores cruciais para novas empresas, evidenciado pelo sucesso de seu primeiro evento com 8.000 participantes. Até agora, o Colosseum investiu US$ 2,75 milhões em 11 empresas emergentes.

Central de Criptomoedas ADVFN

Acompanhe tudo o sobre o mercado de CriptomoedaToken e DeFi, com ranking de coins mineráveis e não mineráveis, lista de moedas digitais recém-lançadas, de criptomoedas não listadas e das principais bolsas de negociação. Todos os rankings são personalizáveis por preço, variação nas últimas vinte e quatro horas, valor de capitalização de mercado e por volume financeiro negociado. Também mostram se o volume de negociação da criptomoeda está em tendência de alta ou de baixa. Através da central de Criptomoedas você tem acesso ao rastreador de rompimento de volume médio negociado e ao conversor de criptomoedas para as principais moedas do mundo ou para outras criptomoedas.

Deixe um comentário