Gerdau, Usiminas e Suzano devem ser os destaques entre os resultados de empresas ligadas a commodities, diz relatório do Itaú BBA.

O banco espera que Gerdau (BOV:GGBR3) (BOV:GGBR4) tenha aumento de 25% em seu Ebitda ante o 4TRI, apoiada em maiores margens na América do Norte.

Usiminas (BOV:USIM5), por sua vez, deve ter acréscimo de 17% do mesmo indicador, tendo uma base de comparação mais tranquila e também menores custos de produção do aço.

No caso da Suzano (BOV:SUZB3), a expectativa é de aumento de 13% do Ebitda, com a valorização dos preços da celulose no período, além da queda dos custos de produção por tonelada.

Para a Vale (BOV:VALE3), o BBA espera recuo de 52% do indicador em razão da queda sequencial dos preços do minério de ferro e sazonalidade negativa dos volumes transportados.

O valor do minério deve também afetar CSN (BOV:CSNA3), com recuo de 50% do Ebitda, compensando resultado em siderurgia e cimento, e de 60% na CSN Mineração (BOV:CMIN3).

Informações BDM
GERDAU ON (BOV:GGBR3)
Gráfico Histórico do Ativo
De Abr 2024 até Mai 2024 Click aqui para mais gráficos GERDAU ON.
GERDAU ON (BOV:GGBR3)
Gráfico Histórico do Ativo
De Mai 2023 até Mai 2024 Click aqui para mais gráficos GERDAU ON.